This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

+100 PALESTRANTES Saiba quem estará nos palcos do HIS19. 🎙 Clique aqui

Temedicina é ferramenta essencial para o desenvolvimento do setor de saúde no Brasil

By 2 de abril de 2019 Você Informa

A Telemedicina é um dos assuntos do momento no Brasil. No início de fevereiro, a Resolução nº 2.227/18, do Conselho Federal de Medicina (CFM), regulamentou a utilização desta modalidade de atendimento no Brasil. Pouco mais de 20 dias depois, a prática da medicina a distância voltou a ser limitada no Brasil até a redação de um novo texto que será elaborado levando em conta propostas de médicos e entidades que os representam.

Essa é a melhor ocasião para discutir e trocar a experiências com experts no setor da saúde do Brasil e exterior sobre telemedicina. Existem tecnologias avançadas que estão disponíveis e podem transformar a Saúde no Brasil de forma exponencial, oferecendo mais qualidade no serviço prestado e mais eficiência à administração dos hospitais.

No Brasil, apesar do número de médicos formados estar aumentando, não há atendimento para todos os habitantes, principalmente nas localidades mais distantes. Em 2018, a Pesquisa Demográfica Médica no Brasil, realizada pela Faculdade de Medicina da USP com apoio do Conselho Federal de Medicina e Conselho Regional de Medicina de São Paulo, atestou que, apesar de existirem 2,18 médicos por mil habitantes, em algumas capitais brasileiras (Vitória, no Espírito Santo, por exemplo) existem 12 médicos por mil habitantes. Por outro lado, no interior do Norte e do Nordeste do país, esse número cai para menos de um médico por mil habitantes. O Sudeste é a região com maior densidade médica (2,81), contra 1,16 no Norte e 1,41 no Nordeste.

“A Telemedicina já é realidade em vários países do mundo e, no Brasil, poderá ser uma grande aliada tanto dos pacientes como das instituições médicas, além de abrir possibilidades de redução de custos e maior eficiência”, explica Claudia Toledo, diretora de Clinical Solutions da Elsevier Brasil. “E as soluções de Apoio à Decisão Clínica (CDS) são aliadas da Telemedicina para garantir que as informações corretas sejam entregues à pessoa certa no momento certo, aprimorando e aumentando o processo de tomada de decisão”.

Para debater o impacto que a Telemedicina terá no nosso mercado a Elsevier participa do Global Summit Telemedicine & Digital Health 2019. Durante o evento, a empresa estará realizando as seguintes atividades:
Elsevier Dialogue: sob o tema “Saúde Populacional e Telemedicina”, especialistas do setor debatem com o público presente sobre como a telemedicina, através de tecnologias de apoio à decisão clínica, irá beneficiar os ganhos de eficiência no sistema de saúde. Os convidados para esse bate-papo são o executivo internacional Dr. Ian Chuang, Chief Medical Officer (CMO) global da Elsevier, Dr. Claudio Ferrari, Diretor de Network Partners da Rede D’Or e Dr. Eduardo Cordiolli, Diretor de Telemedicina no Hospital Israelita Albert Einstein, com a moderação de Marcos Hume, Diretor de Acesso ao Mercado e Assuntos Públicos + “Evangelista” VBHC. Dia 4 de abril, às 12h.
No painel “Transformando a Telemedicina e a Saúde Digital” (dia 5 de abril, às 14h, painel 2) o Dr. Ian Chuang fala sobre as CDS e a democratização do conhecimento que transforará a Telemedicina. O objetivo do Dr. Chuang é colaborar com os líderes de saúde para melhorar a adoção da Tecnologia da Informação em Saúde (HCIT), especialmente no que se refere ao apoio à decisão clínica e melhoria das decisões do sistema de saúde e processos de atendimento para melhorar os resultados.

“O Elsevier Dialogue é uma iniciativa mundial que permite a conversa entre agentes do setor de saúde sobre tecnologia, inovação e elementos que fazem a diferença nos resultados deste mercado”, explica Alexandre Ribeiro, Diretor de Vendas Institucionais para América Latina da Elsevier. “Nosso objetivo é provocar o debate e a troca de informação e experiência para a construção de um ambiente aprimorado”.

Durante todo o evento, a Elsevier também está presente com o Showcase de Telemedicina em Evidência, que apresenta como funciona na prática a jornada do paciente para a Telemedicina incluindo médicos, pacientes, equipes interprofissionais, família mostrando a tecnologia que já está disponivel hoje para atender aos requisitos regulatórios e de qualidade essenciais para a sustentatibilidade do sistema de saúde. No showcase serão demonstradas soluções de apoio a decisão clinica e engajemento do paciente . A empresa realiza o showcase com os parceiros Spectator e BIS (Brasil Inovação em Saúde).

“Queremos que os presentes no Summit conheçam as ferramentas que já estão à disposição dos players de saúde do Brasil. São soluções eficazes em Telemedicina que agregam valor ao trabalho de atendimento a distância”, explica Vitor Liberatori, Senior Product Manager da Elsevier. Além do Showcase de Telemedicina, a companhia ainda apresenta suas Soluções de Apoio à Decisão Clínica em Prescrições Padronizadas (Order Sets), Planos de Cuidados (Care Planing) e Soluções de Auxílio ao Diagnóstico (ClinicalKey e Clinical Pharmachology).

O Global Summit Telemedicine & Digital Health acontece em São Paulo entre os dias 3 e 6 de abril no Transamerica Expo Center.
AGENDA
Showcase de Telemedicina em Evidência – todos os dias do evento – apresentações de 20 minutos
Elsevier Dialogue – 4 de abril, das 12h às 14h – evento exclusivo para convidados
Palestra Dr. Ian Chuang – 5 de abril, às 14h – painel 2.

Releases

About Release enviado por Elsevier

INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA: DFREIRE Comunicação e Negócios – (11) 5105-7171 Cassia Larrubia – cassia@dfreire.com.br Carolina Amaral – assistente@dfreire.com.br

Leave a Reply