This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

Coronavírus: Hutrin lança sistema online de triagem e visita

By 7 de agosto de 2020 Hospital, Você Informa

O Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento – IMED, que administra o Hospital de Urgências de Trindade (Hutrin) desenvolveu um sistema remoto para mapeamento, triagem e acompanhamento de pessoas com suspeita de Covid-19.

O projeto “A gente se importa” foi criado para auxiliar os moradores da cidade a identificar, de maneira rápida e eficaz, a necessidade de um tratamento mais intensivo da doença.

O primeiro passo para acessar o sistema é visitar o site. O menu Triagem da plataforma digital do hospital contém todas as informações necessárias para realizar o cadastro. A pessoa responde algumas perguntas sobre suas condições de saúde, complementa com seus dados pessoais e endereço e recebe o resultado na hora. Qualquer pessoa pode descobrir seu grau de risco.

Os pacientes identificados na triagem do site que precisarem de mais atenção serão orientados por telefone e, caso seja necessário, recebem a visita de enfermeiros. Se a tabulação dos dados, em tempo real, resultar em estado crítico, a pessoa é orientada a procurar o hospital.

“Um dos principais objetivos do sistema é que a pessoa permaneça em casa porque, quando há o deslocamento, automaticamente ela aumenta o risco de contaminar outras pessoas ou ser contaminada, caso não esteja com a doença”, conta Getro Oliveira de Pádua, diretor do Hutrin.

O projeto colocou um carro exclusivo com equipe de enfermagem munida de oxímetros, medidores de pressão e temperatura para atender a população da cidade das 8h às 18h de segunda a sexta-feira.

O serviço também contempla pessoas que passaram pelo ambulatório do Hutrin com sintomas leves e foram orientadas a ficar em isolamento domiciliar. “Após dois dias da consulta realizada no hospital, o paciente recebe uma ligação onde ele tem a oportunidade de informar como está a evolução da doença. Caso seja necessário, a equipe se desloca até a residência para que seja realizado o atendimento domiciliar”, explica Getro Oliveira de Pádua.

Releases

About Release enviado por Aline Paula Marinho Mota

Assessora de imprensa