INSCREVA-SE para o HIS19 e atualize-se com mais de 70 horas de conteúdo! Inscreva-se

Sistema mantém alerta sobre dieta dos pacientes

By 20 de janeiro de 2015 TI e Inovação

A evolução dos sistemas de gestão na área de TI chegou ao ponto de não apenas reunir dados e analisá-los aos usuários, mas também de sugerir procedimentos. Esta tecnologia analítica tem ajudado empresas que geram grandes volumes de dados a ter controle e execução de procedimentos melhores, uma vez que o software organiza e indica as melhores ações a serem tomadas por um departamento, reduzindo a ocorrências de falhas operacionais e aumentando os níveis de qualidade da comunicação entre setores.

LEIA MAIS:
Conheça as instituições Referências da Saúde 2014

No caso da Santa Casa de Misericórdia de Maceió, a ferramenta de análise foi aplicada na área de nutrição do hospital, fundamental no apoio ao paciente em tratamento, pois a desnutrição aumenta a mortalidade hospitalar. Assim, a partir dos dados dos pacientes internados, o sistema analisa o perfil nutricional de cada um e avisa a equipe médica e demais colaboradores, se é necessário alterar itens da dieta ou se os doentes estão deficitários em algum nutriente. A ferramenta substituí uma rotina manual que resultava sempre em perda de informações e, consequentemente, em um atendimento inadequado de pacientes em situação delicada.

“O sistema, o qual chamamos de mensageiro, é integrado com o sistema de gestão do hospital e faz com que médicos e demais membros da equipe médica tenham acesso e recebam as informações atualizadas de qualquer paciente, uma espécie de prontuário eletrônico”, explica o gerente corporativo de TI da Santa Casa, Marco Aurélio Barbosa Costa.

O executivo explica que o sistema desenvolvido pelo próprio departamento de tecnologia da instituição tem como principal função calcular a partir de dados do prontuário do paciente, a dieta que ele precisa seguir, entre outras informações, como dosagem de medicações, etc. “Assim que o paciente dá entrada no hospital, a equipe de nutrição faz uma triagem desses dados e os insere no sistema. O mensageiro calcula o índice de desnutrição do paciente e emite avisos via e-mail e SMS a toda equipe, reduzindo os riscos de desnutrição dentro da unidade”, detalha.

Com a adoção do uso da ferramenta de análise foi possível agir de maneira preventiva nos pacientes identificados com o risco nutricional, reduzindo as consequências clínicas e hospitalares.

Os ganhos de eficiência verificados após a implantação do software de análise, cujo desenvolvimento demandou aporte de R$ 24,6 mil, se concentram na melhoria da comunicação entre colaboradores e setores da instituição.

O uso do sistema também implicou em novos procedimentos internos. Entre os mais notáveis, a equipe de terapia nutricional passou a acompanhar os pacientes em um ambiente virtual, como também as enfermeiras. Um ano depois do uso do sistema, houve um aumento de mais 50% na intervenção precoce dos pacientes internados com risco nutricional identificado. Foi verificada também a diminuição do número de paciente desnutridos graves em mais de 50% e o aumento de pacientes em risco nutricional e desnutrição leve.

Para o provedor da Santa Casa, Humberto Gomes de Melo, a ferramenta analítica de dados tem sua sustentabilidade garantida, pois beneficia pacientes, a gestão e a qualidade do atendimento.

“O projeto é sustentável uma vez que apoia o atendimento de muita gente e garante sua qualidade. Outro destaque são os demais resultados clínicos alcançados para a equipe de assistência e resultados financeiros para o hospital”, comenta Melo.

*Essa reportagem faz parte do estudo “Referências da Saúde 2014”, da revista Saúde Business. Para ler na íntegra a publicação, CLIQUE AQUI
Portal Saúde Business

About Portal Saúde Business

Formar e informar o executivo de saúde é o que fazemos todos os dias. Há mais de 15 anos desenvolvendo um conteúdo proprietário e centrado nos principais gestores do país, acompanhamos as notícias e tendências que impactarão no dia-a-dia dos hospitais, operadoras, centros diagnósticos, farmacêuticas e clínicas do país.

Leave a Reply