INSCREVA-SE para o HIS19 e atualize-se com mais de 70 horas de conteúdo! Inscreva-se

Farmacoeconomia é apontada como umas das atividades profissionais mais promissoras

By 4 de janeiro de 2012 Sem categoria

Você sabe o que é Farmacoeconomia?

A Farmacoeconomia é um termo relativamente recente que se refere à aplicação da economia ao estudo dos medicamentos. Surgiu no final dos anos 80 e baseia-se na economia da saúde, que visa melhorar a eficiência dos gastos nos sistemas de saúde.

O SUS – Sistema Único de Saúde, apesar de ter como premissa que os direitos de saúde da população são universais, equânimes e com vistas à integralidade, possui recursos orçamentários limitados. Este fato gera a necessidade de desenvolver métodos que possam auxiliar na tomada de decisão, entre optar por um tipo de intervenção em saúde, ou por outro, do ponto de vista econômico.

Desta forma, as avaliações econômicas têm cada vez mais importância no sistema de saúde, já que auxiliam o gestor a tomar a melhor decisão em relação às práticas de saúde.

Na sociedade contemporânea, a tendência tem apontado a intersetorialidade como uma estratégia a ser utilizada para que as soluções dos problemas sociais (que geralmente são globais) sejam alcançadas e gerem resolutividade. Podemos citar o Biodireito, a Bioinformática e, também, a Farmacoeconomia.

Geralmente, os profissionais que trabalham com Farmacoeconomia devem ter formação acadêmica em Farmácia e/ou em Economia, com especialização na área. Uma notícia boa para os interessados é que a Farmacoeconomia foi apontada pela Revista Veja, em 2011, como uma das 20 carreiras mais promissoras do momento.

Portanto, esta é uma boa dica para quem é da área farmacêutica ou econômica e quiser estudar mais sobre o assunto.

Fonte: InstitutoSalus.com

 

Portal Saúde Business

About Portal Saúde Business

Formar e informar o executivo de saúde é o que fazemos todos os dias. Há mais de 15 anos desenvolvendo um conteúdo proprietário e centrado nos principais gestores do país, acompanhamos as notícias e tendências que impactarão no dia-a-dia dos hospitais, operadoras, centros diagnósticos, farmacêuticas e clínicas do país.

Leave a Reply