This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

Sociedade Brasileira de Hansenologia é parceira oficial do 1º Dia Mundial das Doenças Tropicais Negligenciadas

By 28 de janeiro de 2020 Saúde Pública

Data foi lançada em novembro de 2019 em Abu Dhabi no Fórum Reaching the Last Mile. SBH é a única entidade brasileira parceira na ação

Brasil participa do primeiro Dia Mundial das Doenças Tropicais Negligenciadas (DTNs), que acontece dia 30 de janeiro de 2020. A data dá largada a um ano decisivo na luta contra as doenças tropicais negligenciadas, unindo e fortalecendo a comunidade que trabalha com este tema para celebrar o progresso atingido e exigir cada vez mais ações e investimentos.

A Sociedade Brasileira de Hansenologia (SBH), sociedade médica com 71 anos de funcionamento, é parceira da ação com a campanha nacional Todos Contra a Hanseníase, lançada há 4 anos. O presidente da entidade, Claudio Salgado, lembra que a hanseníase coloca o Brasil em 2º lugar no ranking mundial, com cerca de 30 mil casos novos por ano, perdendo apenas para a Índia. A doença tem cura, não falta medicação no Brasil, mas o diagnóstico é tardio e a SBH alerta que o país tenha de 3 a 5 vezes mais casos da doença que não estão sendo enxergados por falta de capacitação dos profissionais de saúde e mesmo formação nas universidades. “É papel de toda a sociedade civil envolver-se no debate e ações de conscientização e enfrentamento do problema das doenças tropicais negligenciadas”, comenta.

Contexto

As DTNs são doenças devastadoras ligadas à pobreza que ameaçam mais de 1,6 bilhão de pessoas em todo o mundo e impactam sua saúde, sustento e dignidade. Apesar disso, progressos foram alcançados desde que líderes de todos os setores assinaram a Declaração de Londres sobre as DTNs em 30 de janeiro de 2012: 31 países eliminaram pelo menos uma DTN e mais de 1 bilhão de pessoas foram tratadas em 2018. Mesmo assim, a maioria das metas para 2020 seguem inalcançadas. Ainda há trabalho a ser feito, e é preciso acelerar o ritmo.

Este ano será decisivo para as DTNs. Marcos importantes – como o lançamento antecipado dos novos objetivos do Roadmap 2030 para as DTNs da Organização Mundial da Saúde em maio – proporcionarão aos líderes do mundo diversas oportunidades de se comprometerem a derrotar essas doenças e direcionar melhor os recursos políticos e financeiros. No entanto, isso não acontecerá sem o apoio de uma comunidade bem organizada, que gere atenção e que aja de forma consistente nos próximos meses. Para ter sucesso, é preciso começar 2020 com tudo.

No primeiro Dia Mundial das DTNs, também aniversário da Declaração de Londres, celebra-se os ganhos conquistados na década passada e serão cobrados o investimento e a ação necessárias para pôr um fim às DTNs.

Objetivos do Dia Mundial das DTNs

  • Energizar e alinhar os parceiros da comunidade de DTNs por meio de um conjunto comum de mensagens e demandas que deem visibilidade à necessidade urgente de compromissos políticos e financeiros em 2020
  • Gerar vontade política e sensibilizar o público em países endêmicos, onde a liderança será essencial
  • Estabelecer um momento anual fixo para que a comunidade que trabalha com as DTNs possa impulsionar os esforços de advocacy nos próximos anos

Anúncios e Atividades

O Dia Mundial das DTNs foi anunciado oficialmente no Fórum Reaching the Last Mile, em 19 de novembro de 2019. Desde então, mais de 160 parceiros ao redor do mundo já se inscreveram para realizar ações de comemoração do dia.

Portal Saúde Business

About Portal Saúde Business

Formar e informar o executivo de saúde é o que fazemos todos os dias. Há mais de 15 anos desenvolvendo um conteúdo proprietário e centrado nos principais gestores do país, acompanhamos as notícias e tendências que impactarão no dia-a-dia dos hospitais, operadoras, centros diagnósticos, farmacêuticas e clínicas do país.