This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

⚠️ Hospital Albert Einstein, Rede D'Or, Amil, DASA, Fleury... todos no HIS. E você? Clique aqui

Deputados analisarão ampliação de repasse para Santas Casas

Frente Parlamentar das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos estudará envio de 50% das emendas da Saúde às entidades

Ao promover, na quarta-feira (5), um café da tarde na Assembleia Legislativa de São Paulo, junto aos deputados estaduais, para estreitamento dos laços, a Fehosp (Federação das Santas Casas e Hospitais Beneficentes do Estado de São Paulo) conseguiu, por parte dos parlamentares, o compromisso de avaliarem a possibilidade de que metade das emendas parlamentares impositivas destinadas à Saúde sejam encaminhadas às Santas Casas e Hospitais Beneficentes. Hoje, 50% dos recursos que podem ser propostos e encaminhados pelos deputados são voltados ao setor da Saúde.

“Uma emenda parlamentar para liberação de recursos passa por processos extremamente burocráticos, mas nenhum dos lados deve desistir de seguir em frente. Todos nós, deputados e entidades, não devemos nos esquecer nunca de que há milhares de pessoas em todas as regiões do Estado que dependem de um atendimento público”, falou o Diretor-Presidente da Fehosp, Edson Rogatti.

O presidente da Assembleia Legislativa, Cauê Macris (PSDB), ressaltou que, concretizando-se a destinação de 50% das emendas parlamentares da Saúde às Santas Casas e Hospitais Filantrópicos, a proposta será levada para a Câmara Federal, para que a ideia seja ampliada em todo o Brasil.

O café da tarde promovido pela Fehosp contou com a participação de 185 profissionais, entre provedores e dirigentes das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos, de 83 entidades de diversas regiões paulistas, além de parlamentares, prefeitos e vereadores de diversas cidades, totalizando um público de cerca de 300 pessoas.

Santas Casas SUStentáveis

Durante o evento, foi relançada a Frente Parlamentar das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos, que será coordenada pelos deputados Itamar Borges e Jorge Caruso (ambos do MDB). Além de avaliar a possibilidade do repasse de 50% das emendas parlamentares da Saúde à essas entidades, o trabalho da Frente também focará na expansão do programa Santa Casas SUStentáveis em todo o Estado. A iniciativa determina critérios para acompanhamento e manutenção dos repasses financeiros referentes ao auxílio financeiro das instituições filantrópicas. “As Santas Casas e Hospitais Filantrópicos são de extrema importância no atendimento aos usuários do SUS (Sistema Único de Saúde). Por isso, lutamos por melhorias para as entidades, mais recursos e iniciativas que beneficiam provedores, dirigentes e também a população, que pode contar com hospitais equipados, equipe preparada e bom atendimento”, disse o deputado Itamar.

Entidades filantrópicas em números

No Estado de São Paulo, das 612 instituições que prestam serviço ao SUS, 362 são filantrópicas, segundo o DataSus. Ou seja, quase 60% do atendimento público depende dessas entidades.

No setor, essas instituições representam 42,68% dos Hospitais Especializados e 46,62% dos Hospitais Gerais, sendo responsáveis pela realização de 63,08% das quimioterapias, 69,80% das radioterapias e 60,77% dos transplantes.

São mais de 12.000 enfermeiros, 27.000 médicos e um total de 126.000 profissionais nos hospitais filantrópicos.

A Fehosp (Federação das Santas Casas e Hospitais Beneficentes do Estado de São Paulo) foi fundada em 1959 e conta com mais de 270 Santas Casas e Hospitais Beneficentes no Estado de São Paulo.

Portal Saúde Business

About Portal Saúde Business

Formar e informar o executivo de saúde é o que fazemos todos os dias. Há mais de 15 anos desenvolvendo um conteúdo proprietário e centrado nos principais gestores do país, acompanhamos as notícias e tendências que impactarão no dia-a-dia dos hospitais, operadoras, centros diagnósticos, farmacêuticas e clínicas do país.

Leave a Reply