🚀 HIS18 Já conferiu os primeiros palestrantes do HIS? Já são mais de 15! CLIQUE AQUI

Grupo São Marcos faz nova aquisição no Vetor Norte da Grande BH

Publicidade

Compra reforça estratégia de posicionamento em regiões metropolitanas e oferta de serviços complementares em um só lugar

Em continuidade ao seu Plano de Expansão, o Grupo São Marcos (LSM) acaba de adquirir a Martins & Godoy Medicina Diagnóstica, especializada em diagnóstico por imagem, com forte atuação e líder na Região Norte da grande BH. A expectativa é de que a unidade some 20 milhões à receita anual do grupo, estimada em R$ 260 milhões em 2018. Os valores da negociação não são divulgados.

Seguindo o objetivo de se posicionar entre os cinco maiores players do setor até 2021 – atualmente, o LSM detém 30% do mercado de análises clínicas da RMBH –, a ação reforça a presença do Grupo em uma região metropolitana relevante, com quase 800 mil habitantes. A estratégia é diversificar sua base geográfica por meio de um processo de consolidação de empresas com cultura semelhante e ampliação do portfólio dos exames de imagem. Além disso, é mais um movimento para oferecer ao cliente serviços relacionados em um só lugar, com um programa completo de atendimento.

Fundada em 1993, a Martins & Godoy possui estrutura completa em radiologia, raio-x dental, ultrassom, mamografia, ressonância magnética, tomografia computadorizada, medicina nuclear e endoscopia, exames contrastados, tendo em seu corpo clínico referendado o principal diferencial. Os serviços serão mantidos e haverá disponibilidade dos outros serviços do LSM, como exames de análises clínicas e vacinas.

De acordo com o presidente executivo, Ricardo Dupin, a reputação e o pioneirismo da empresa nas áreas de diagnóstico e exames de imagem foram os principais fatores decisivos ao integrá-la ao Grupo LSM. Ressalta o executivo que todos os médicos fundadores permanecerão como médicos atuantes do corpo clínico. Atualmente, a clínica realiza cerca de 900 atendimentos por dia, com ticket médio acima de R$ 100,00. A partir do cross selling, o LSM pretende ampliar o número de atendimentos.

Processo de expansão
Em 2017, foi celebrada a compra da empresa de diagnóstico por imagem Elcordis e do laboratório referência em exames de anatomia patológica e citologia Dairton Miranda, ambos na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Além disso, o grupo Lab Hormon, com 11 unidades na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP), também passou a integrar o São Marcos. Recursos de R$ 40 milhões foram empregados.

O diretor executivo do Laboratório São Marcos, Ricardo Dupin, está à disposição para mais informações. No LSM desde setembro de 2016, o médico já atuou como diretor de Produção e B2B da DASA (2015-2016) e VP de Medicina Diagnóstica do Hermes Pardini (2010-2015).

Grupo São Marcos
• 57 unidades na RMBH; 14 com serviço de vacina; 9 com serviço de imagem
• 11 unidades na RMSP.
• Receita bruta estimada para 2018: R$ 260 milhões.
• Crescimento médio do faturamento anual (2003 a 2017): 35% a.a (cagr)
• 1,2 mil funcionários/ Projeção de vagas até 2021: 1.600
• Mais de 4 mil tipos de exames em áreas como bacteriologia, bioquímica/hormônio, hematologia, imunologia, parasitologia, urinálise, biologia molecular e genética e imagem;
• 12 milhões de exames em 2017 / capacidade para 30 milhões de exames ao ano.
• Segundo estudos do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS), a demanda por exames deve mais que dobrar no Brasil até 2030.

RMBH e Vetor Norte
• Atualmente, a Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) é a terceira maior do país, com 5,9 milhões de pessoas, de acordo com o IBGE.
• Dados da Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte (Prodemge), o Vetor Norte da capital tem cerca de 800 mil habitantes.

Assessoria de Imprensa | Prefácio Comunicação
Fernanda Pereira
(31) 3292 8660
fernanda@prefacio.com.br

       
Publicidade

Deixe uma resposta