🚀 HIS18 Já conferiu os primeiros palestrantes do HIS? Já são mais de 15! CLIQUE AQUI

Grupo internacional apoia esforços globais para encerrar uso de mercúrio dentário

Publicidade

CHAMPIONSGATE, Florida, 15 de dezembro de 2016 /PRNewswire/ -- Na semana passada, três instituições europeias (o Parlamento Europeu, a Comissão Europeia e o Concílio da União Europeia) chegaram a um acordo provisional para banir as obturações de amálgama dentária para crianças abaixo de 15 anos e mulheres grávidas e lactantes até 1o. de julho de 2018. Essas ações na Europa estão sendo apoiadas pela Academia Internacional de Medicinal Oral e Toxilogia (IAOMT, International Academy of Oral Medicine and Toxicology), um grupo sem fins lucrativos que encoraja esforços mundiais para encerrar o mercúrio dental.

"O mercúrio é tóxico, e seu uso em obturações dentárias de cor prata tem sido ligado a danos ambientais, bem como riscos mais elevados de Alzheimer, esclerose múltipla, infertilidade, ansiedade, depressão, fadiga e muitas outras condições de saúde adversas. Alternativas viáveis a essas obturações existem há décadas. É crucial que todo o mundo siga os passos da Europa e tome medidas para restringir o mercúrio dental, e o que seria ainda mais eficiente, encerrar completamente seu uso", explicou o Dr. Tammy DeGregorio, presidente do IAOMT.

O IAOMT coletou centenas de estudos de pesquisa sobre os riscos à saúde e ao meio ambiente advindos do mercúrio dental, e tem usado essa literatura científica para criar recursos para dentistas, médicos, legisladores e o público.

Leia completo na PR Newswire        

Publicidade

Deixe uma resposta