🚀 HIS18 Já conferiu os primeiros palestrantes do HIS? Já são mais de 15! CLIQUE AQUI

CFOs geradores de valor elevam Ebitda em 20 vezes

Publicidade

CFOs integradores de valor fazem com que o Ebitda (lucro antes de juros, tributos, depreciações e amortizações) das companhias seja 20 vezes maior, com ações de melhoria para o departamento. O dado consta em pesquisa especial conduzida pela IBM sobre o perfil do profissional.

De acordo com o levantamento, no caso do já citado Ebitda, a diferença anual foi de 0,5% para 11,3% – gerando a melhora de 20 vezes no resultado. O rendimento, pela média ao ano, foi de 9,4% para 14% – um ganho de 49%. O retorno anual do capital investido pode ter um incremento de 30%, ao passar de 9,3% para 12,1%. É importante lembrar que os resultados refletem a média de avaliação feita com quase dois mil profissionais ao longo do ano passado.

O levantamento mostrou ainda que mais de 45% dos chefes financeiros acreditam que a suas organizações financeiras não surtem efeito nas áreas de estratégia, integração de informações e risco e de oportunidades de gestão.

Dessa forma, a integração de valor é um ponto positivo: CFOs com características do tipo, que agreguem mais do que números à companhia, passando para o lado conceitual, estão ficando à frente de seus pares.

“Essas organizações, que chamamos de Integradoras de Valores, são mais efetivas em todas as áreas avaliadas, com vantagens significativas na gestão de risco empresarial, medindo e monitorando performance dos negócios”, disseram os especialistas no documento de divulgação da pesquisa. 

Eficiência

De acordo com o material, mais impressionante ainda foi o fato de que a geração de valor aprimorou o comportamento corporativo durante períodos de instabilidade. Exatamente por isso que, por meio de todas as métricas avaliadas – resumo do balanço, fluxo de caixa e mensuração de eficiência operacional – houve performance acima da média.

Você tem Twitter? Então, siga http://twitter.com/SB_Web e fique por dentro das principais notícias do setor.

 

 

“Integradores de valor se sobrepõem em duas áreas primordiais: eficiência financeira e inteligência de negócios”, continuou o estudo. Para reduzir a complexidade de suas operações financeiras, implementaram processos comuns, como padronização de dados e definições de métricas.

“Eficiência financeira fazem com que eles ganhem escala, agilidade e rapidez”, concluiu o material. 

       
Publicidade

Deixe uma resposta