This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

HIS19 Já conferiu os 40 primeiros palestrantes dessa edição? 🚀 Clique aqui

Laboratório de Inovação seleciona 11 projetos de atenção primária

By 16 de novembro de 2017 Mercado

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS/OMS) selecionaram 11 projetos através do Laboratório de Inovação sobre Experiências de Atenção Primária na Saúde Suplementar Brasileira. A iniciativa, lançada em agosto deste ano, foi aberta a todas as operadoras do Brasil e funcionou como um mapeamento das experiências de atenção primária no setor, com modelos baseados na medicina de família e comunidade. No total, foram inscritos 41 projetos.

As iniciativas selecionadas demonstraram embasamento no modelo de atenção primária, a partir da presença de alguns atributos: longitudinalidade, acesso, coordenação do cuidado e integralidade (conforme Starfield 2004, referência internacional no tema). Conforme previsto no edital, considerou-se também os projetos baseados em evidências científicas e mensuráveis por indicadores de resultados.

“É muito importante reconhecermos e incentivarmos experiências que representam avanços em novos modelos de atenção à saúde a partir de práticas inovadoras. Assim, reconhecemos cada vez mais o cuidado centrado na pessoa. São iniciativas como essa que norteiam as melhores práticas no setor”, avalia a diretora de Normas e Habilitação de Produtos da ANS, Karla Coelho.

Entre as 41 experiências inscritas, também foram recepcionados projetos em que se pôde identificar os atributos da atenção primária, mas que por se tratarem de experiências muito recentes, não há ainda a possibilidade de se avaliar seus resultados. Outra categoria de experiências analisadas diz respeito a iniciativas que apresentam características de integralidade e resultados em saúde, que não foram selecionadas por se tratarem de população alvo específica ou de gerenciamento de doenças crônicas.

Todos os projetos apresentados vão receber um certificado de reconhecimento da ANS e OPAS. Além disso, as experiências participantes que demonstraram um cuidado coordenado centrado na pessoa, em especial os 11 projetos selecionados, serão apresentadas em uma publicação conjunta da ANS e da OPAS/OMS, com previsão de lançamento em 2018.

De acordo com o cronograma atualizado, as operadoras terão até o dia 21/11/2017 para interpor recurso, através do link. O resultado final do Laboratório de Inovação está previsto para o dia 24/11/2017.

Portal Saúde Business

About Portal Saúde Business

Formar e informar o executivo de saúde é o que fazemos todos os dias. Há mais de 15 anos desenvolvendo um conteúdo proprietário e centrado nos principais gestores do país, acompanhamos as notícias e tendências que impactarão no dia-a-dia dos hospitais, operadoras, centros diagnósticos, farmacêuticas e clínicas do país.

Leave a Reply