This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

⚠️ Hospital Albert Einstein, Rede D'Or, Amil, DASA, Fleury... todos no HIS. E você? Clique aqui

”Gestão tradicional em saúde gera mais desperdícios do que valor”

By 16 de outubro de 2013 Mercado

O norte-americano John Toussaint é especialista em aplicação, na gestão da saúde, do sistema Lean, filosofia de gestão originária do modelo Toyota adotada por empresas de diversos setores, inclusive na área hospitalar. Toussaint é fundador e CEO da Thedacare Center for Healthcare Value.

Toussaint estará no Brasil para uma palestra durante o 1° Lean Summit Saúde, que acontece no próximo dia 26 de novembro, em São Paulo, organizado pelo Lean Institute Brasil. Para o estudioso, a filosofia lean é uma ferramenta importante para eliminar desperdícios, diminuir custos e aumentar a qualidade de atendimento nos serviços de saúde.

Em entrevista concedida ao Lean Institute Brasil e reproduzida pelo Saúde Web, Toussaint explica que vantagens o método pode trazer ao sistema de saúde. Veja abaixo:

Lean Institute Brasil ? Há muitos desperdícios nos serviços de saúde?
John Toussaint ? A qualidade dos serviços de saúde prestados nos EUA é desigual ? isso na melhor das hipóteses. Melhores práticas não são amplamente e nem rapidamente adotadas. Trata-se de um sistema que gera mais desperdícios e erros do que ?valor? ao paciente. Ao mesmo tempo, continuamos a ser atormentados por erros médicos. E mais empresas norte-americanas acham difícil competir em um mercado global devido ao aumento dos custos dos tratamentos de saúde. É um campo em potencial para a adoção do Sistema Lean.

LIB ? Que tipo de transformação o Sistema Lean pode provocar nesse setor?
Toussaint ? O Lean melhora essencialmente o atendimento aos pacientes. Ele faz isso ao eliminar os desperdícios dos processos de atendimento à saúde, o que acaba gerando mais qualidade. Isso é muito importante. Nos EUA, por exemplo, tem-se dado uma ênfase crescente na melhoria contínua da qualidade, na redução de custos e no aumento de ?valor? para os pacientes dos serviços de saúde.

LIB ? De que forma se pode aplicar o Sistema Lean nos serviços de saúde? Em que áreas?
Toussaint ? É possível aplicar o pensamento Lean em todos os processos de atendimento de um serviço de saúde: em qualquer ambiente hospitalar, clínicas, salas de cirurgia, farmácia, salas de emergência ou centros ambulatoriais. O Lean aplicado à saúde parte do princípio de que um bom atendimento em saúde não é apenas fazer controles, ter mais coberturas ou tecnologia mais avançada. Lean em saúde é eliminar desperdícios, visando aumentar a qualidade, diminuindo custo e agregando mais valor a quem realmente importa: o paciente. Não é nenhum segredo que os serviços de saúde dos EUA podem ser melhorados. Enquanto não há muito para se orgulhar, nós continuamos a sofrer com graves erros médicos. E os serviços continuam a gerar desperdícios que colocam pacientes em risco. O ?Lean na saúde? tem o potencial para revolucionar esse sistema e para melhor.

LIB ? E qual é a contribuição que o livro ?Revolução na Saúde? poder dar para resolver esse problema?
Toussaint ? O objetivo do livro é introduzir a idéia do Sistema Lean aplicado aos setores de saúde e demonstrar como uma organização desse setor pode aplicar o sistema para melhorar seus processos de gestão.

Serviço
1º Lean Summit Saúde
Quando: 26 de novembro
Onde: Hotel Transamérica, em São Paulo
Informações e inscrições: lean.org.br

Portal Saúde Business

About Portal Saúde Business

Formar e informar o executivo de saúde é o que fazemos todos os dias. Há mais de 15 anos desenvolvendo um conteúdo proprietário e centrado nos principais gestores do país, acompanhamos as notícias e tendências que impactarão no dia-a-dia dos hospitais, operadoras, centros diagnósticos, farmacêuticas e clínicas do país.

Leave a Reply