This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

⚠️ Hospital Albert Einstein, Rede D'Or, Amil, DASA, Fleury... todos no HIS. E você? Clique aqui

Conheça o Health Graph da HealthUnlocked

By 7 de janeiro de 2014 Mercado

A HealthUnlocked (HU) é uma rede social para saúde que iniciou no Reino Unido e hoje possui mais de 350 comunidade para troca de experiências em variados tópicos de saúde. Recentemente, a plataforma da HU foi lançada também em Português e Espanhol, uma expansão que foi possível graças à construção de uma plataforma nova e cheia de potencial. Além de permitir o funcionamento em diversos idiomas a nova plataforma contém o que a equipe chama de Health Graph, uma ferramenta que permite que gigabytes e mais gibabytes de textos desestruturados postados nas comunidade se transformem em dados ​​estruturados, utilizáveis e semanticamente interligados.

O Health Graph identifica as diversas “entidades” dentro da plataforma, como pacientes, condições, sintomas, sinais, partes do corpo, médicos, tratamentos, hospitais etc. Analisando os textos publicados é possível buscar e conectá-los com palavras-chave, semelhantes aos termos conceituais na área da saúde (registrados na nossa ontologia). Além disso, como a ontologia desenvolvida é multilíngue o Health Graph é ainda mais poderoso:

“Nós nos perguntamos: como poderia um portador da síndrome de Wolff-Parkinson-White no Brasil ajudar uma outra pessoa que fala Inglês e foi recentemente diagnosticada com a mesma condição em Mumbai? Como poderíamos aproveitar a sabedoria de todos os nossos usuários de uma forma independente do idioma falado para ajudar cada um deles a entender e lidar melhor com as condições de saúde que têm?” Adam Neilson, Chief Technology Officer

Conectar os termos em todos os idiomas falados na HU com um termo em comum, além de nivelar os dados em todos os idiomas, permite a construção de relações entre eles e outros termos mencionados no mesmo contexto.  Com milhões de posts, comentários, perguntas e respostas no banco de dados é possível construir um mapa muito interessante sobre onde tudo se encaixa nas experiências de saúde das pessoas.

Esse mapa de termos (intimamente ligados e relacionamentos) para tudo que é relacionado com saúde nos permite entender o que é realmente relevante para os usuários. Além de usar as informações do Health Graph para melhorar a experiência dos usuários da plataforma, é possível também utilizar essas informações offline. Profissionais e serviços de saúde podem usar os insights gerados para melhorar tratamentos e soluções na atenção à saúde.

É possível, por exemplo, perceber se um medicamento é constantemente mencionado junto (e conectado no Health Graph) com um sintoma inesperado e fazer essa informação chegar mais rapidamente ao conhecimento da indústria ou profissionais de saúde. Tradicionalmente, esse tipo de informação (relatos de pacientes) fica parada em prontuários offline e é fantástico pensar como agora elas podem ser rapidamente transformadas em dados organizados e totalmente utilizáveis.

O que eu mais gosto na utilização do Health Graph é como cada usuário da HU ajuda direta e indiretamente muitas outras pessoas. Quanto mais usuários participam na HU maior é o potencial de geração de insights que podem contribuir com a melhora da saúde de todos.

Simone Pemp Pereira

About Simone Pemp Pereira

Leave a Reply