This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

Todos pela Saúde completa 4 meses

By 18 de agosto de 2020 Gestão

Lançado em abril com doação inicial de R$ 1 bilhão feita pelo Itaú Unibanco, movimento recebeu mais R$ 238 milhões de pessoas e empresas e já direcionou 85% desses recursos para ações que cobrem suas quatro frentes de atuação – Informar, Proteger, Cuidar e Retomar

O Todos pela Saúde, iniciativa lançada pelo Itaú Unibanco para enfrentar a covid-19 e seus efeitos sobre a sociedade brasileira, completa quatro meses de atuação em 13 de agosto. Nos últimos 30 dias, além de manter as ações de apoio emergencial a Estados e municípios para as questões mais agudas da pandemia, a iniciativa também investiu em soluções estruturais para o combate à covid-19. Frentes relacionadas ao aumento da capacidade de testagem do País, apoio a pesquisas sobre a covid-19 e financiamento da produção de vacinas para a doença foram alguns dos destaques da atuação do Todos pela Saúde no último mês.

“Neste momento, o Todos pela Saúde tem concentrado esforços principalmente em iniciativas voltadas para o mapeamento da covid-19 no Brasil e o desenvolvimento de vacinas contra a doença”, afirma Claudia Politanski, vice-presidente do Itaú Unibanco. “A inauguração de dois novos centros de testes em parceria com a Fiocruz e o apoio às fabricas de vacinas da fundação e também do Instituto Butanan são legados que o Todos pela Saúde deixará para o País após a pandemia”, completa.

“Esta nova etapa de atuação do Todos pela Saúde será de extrema importância para o combate à covid-19 no Brasil. O mapeamento da doença por meio da testagem na população é uma das estratégias adotadas pelos países mais bem-sucedidos na guerra contra o coronavíurs”, afirma Paulo Chapchap, doutor em clínica cirúrgica pela Universidade de São Paulo, diretor-geral do Hospital Sírio-Libanês e líder do conselho de especialistas responsável por direcionar os recursos do projeto.

Além de Chapchap, integram o grupo o médico o cientista e escritor Drauzio Varella; o consultor do Conselho dos Secretários de Saúde (CONASS) Eugênio Vilaça Mendes; o ex-presidente da Anvisa Gonzalo Vecina Neto; o ex-diretor-presidente da Agência Nacional de Saúde (ANS) Maurício Ceschin; o presidente do Instituto de Biologia Molecular do Paraná (IBMP), instituição ligada à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Pedro Barbosa; e o presidente do Hospital Albert Einstein, Sidney Klajner.

As principais realizações do projeto nesse período foram:

Centros de processamento de testesFruto de uma parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A primeira unidade dos centros de processamento de testes PCR e de sorologia para o novo coronavírus, localizada no Rio de Janeiro (RJ), foi inaugurada no último dia 10. A segunda unidade, instalada em Eusébio (CE), começará a funcionar nos próximos dias. Com um investimento total de R$ 180 milhões, os dois centros juntos terão capacidade de realizar até 25 mil testes PCR e 24 mil testes sorológicos por dia, contemplando todo o País. Além disso, serão um legado após a pandemia, pois poderão ser utilizados, futuramente, para a detecção de outras doenças.

Vacinas

Em uma iniciativa que envolve outras empresas e fundações, o Todos pela Saúde destinou R$ 50 milhões para financiar a produção de vacinas contra a covid-19 na Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) no Rio de Janeiro. A vacina a ser produzida na unidade é a mesma que está sendo desenvolvida pela Universidade de Oxford com a farmacêutica britânica AstraZeneca. A fábrica, que terá capacidade de produção de 40 milhões de doses por mês, deverá começar a produzir a vacina até o início do próximo ano. O Todos pela Saúde também está apoiando a produção de vacina no Instituto Butantan, em São Paulo, com uma doação de R$ 50 milhões. Ela produzirá outra vacina contra a covid-19, desenvolvida pela empresa chinesa Sinovac.

Pesquisas

O Todos pela Saúde também tem direcionado recursos para pesquisas. A iniciativa já destinou mais de R$ 35 milhões a diferentes estudos para avaliar incidência da infecção por covid-19, com escopo nacional; um estudo detalhado e específico na cidade de São Paulo; pesquisa de âmbito nacional nos hemocentros com doadores de sangue para avaliação de soropositivos; e também pesquisas de plasma para o desenvolvimento de tratamento da covid-19. As informações são relevantes para o mapeamento da doença e no planejamento de futuras estratégias de vacinação e tratamento. Esses estudos são conduzidos por diferentes instituições, como a Faculdade de Medicina da USP, Instituto Butantan, Hospital Sírio-Libanês, Hospital Israelita Albert Einstein, entre outros.

Oxímetros

Com o objetivo de melhorar a infraestrutura das Unidades Básicas de Saúde (UBS), o Todos pela Saúde fez uma doação de mais de 105 mil oxímetros para medição da taxa de saturação sanguínea, de forma rápida e confiável. Os dispositivos foram distribuídos para todas as equipes de atenção primária dos mais de 5 mil municípios do Brasil, contemplando 100% das equipes de Estratégia Saúde da Família do País.

Testagem em caminhoneiros

Com o objetivo de apoiar o trabalho dos motoristas de caminhão, que mesmo durante a pandemia continuam exercendo funções essenciais à população, o Todos pela Saúde vem realizando testes nesses profissionais para a detecção do novo coronavírus, além de orientá-los sobre os cuidados necessários em relação à covid-19. Após iniciar a ação em SP, onde a iniciativa tem parceria do Grupo EcoRodovias e da Porto Seguro para realizar testes em cinco pontos de fácil acesso para os caminhoneiros nas cidades de São Bernardo do Campo, Guararema, Itaquaquecetuba, Cubatão e Santos, agora é a vez de Rondonópolis (MT). A testagem está sendo realizada desde o início de agosto, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, SEST Senat e Fiocruz, e contemplará caminhoneiros e sintomáticos da região, que é um importante polo graneleiro do País. A iniciativa em breve se estenderá para municípios em MG e BA, chegando a um total de 44 mil testes em todas essas localidades.

Linha de Apoio

Canal direto de apoio, escuta, acolhimento e orientação dedicado principalmente às equipes de saúde dos hospitais envolvidos no atendimento aos casos de covid-19. Por meio dele, o profissional de saúde ou de outras áreas que estejam na linha de frente podem ligar 24 horas por dia, 7 dias por semana, e ser atendidos por um psicólogo. Se necessário, o usuário do serviço tem a opção de realizar 4 sessões com um psicanalista ou psicólogo especializado no controle do estresse. O canal pode ser acessado pelo telefone 0800 999 8896 ou e-mail fale@apoiopsico.com.br.

Todos pela Saúde em números

• 27 Gabinetes de Crise em todos os Estados brasileiros e no DF
• Mais de 14 milhões de máscaras distribuídas para a população
• 90 milhões de EPIs adquiridos
• 619 ILPIs apoiadas, beneficiando 50 mil pessoas entre idosos e colaboradores
• 44 mil testes para caminhoneiros em SP, MT, BA e MG
• 7 mil diagnósticos de tomografia realizados com uso de inteligência artificial
• 6 mil consultas/mês realizadas pelo programa de atendimento psicológico a profissionais da linha de frente
• 1 mil leitos de alojamento, 174 leitos hospitalares e 300 cilindros de oxigênio doados em apoio a populações indígenas e refugiados
• 105 mil oxímetros para medição da taxa de saturação sanguínea doados
• 25 mil testes PCR e 24 mil sorológicos poderão ser analisados por dia em dois novos centros de testes
• R$ 100 milhões investidos em vacinas contra a covid-19
• R$ 35 milhões investidos em diferentes pesquisas sobre a covid-19

Mais doações

Além do R$ 1 bilhão doado pelo Itaú Unibanco, o Todos pela Saúde já recebeu mais R$ 238 milhões de pessoas e empresas. As orientações sobre o movimento e como contribuir estão em todospelasaude.org.

Portal Saúde Business

About Portal Saúde Business

Formar e informar o executivo de saúde é o que fazemos todos os dias. Há mais de 15 anos desenvolvendo um conteúdo proprietário e centrado nos principais gestores do país, acompanhamos as notícias e tendências que impactarão no dia-a-dia dos hospitais, operadoras, centros diagnósticos, farmacêuticas e clínicas do país.