This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

“A experiência não retrocede” diz Emerson Zarour sobre novos modelos de atendimento

By 30 de setembro de 2020 Destaques, Eventos, HIS

Diretor de inovação da MV abordou a jornada do paciente no palco 2 do evento

A jornada do paciente é um trabalho árduo que deve ser feito com o objetivo de assegurar a qualidade no atendimento médico do começo ao fim. O tema é tão importante que foi pauta no palco 2 do HIS – Healthcare Innovation Show. Quem falou sobre o assunto foi o diretor de inovação da MV, Emerson Zarrou.

“A jornada do paciente hoje é um serviço primário em relação a tudo que o paciente precisa para cuidar da sua saúde. Eu crio algumas teses e digo que o paciente precisa estar morrendo ou com muitas dores para buscar ajuda médica”, afirma Emerson.

O cuidado centrado no cidadão, e não na doença, acaba não acontecendo porque não é oferecida qualidade para ele buscar atendimento com antecedência. O que pode mudar essa situação é o movimento que o mercado está entrando para mudar essa percepção.

“A experiência não retrocede é a nova tese que estamos lançando. Nossos clientes têm pleno conhecimento do que é uma boa experiência. As pessoas têm acesso a informações digitais, a serviços digitais e isso não retrocede. Está no mindset de cada um”, acrescenta Emerson.

Hoje, existem diversas plataformas para facilitar o nosso dia a dia. Na saúde não seria diferente: laudos impressos já não são mais aceitos porque, de acordo com Emerson, o mundo é digital. Ninguém quer carregar exames se pode tê-los na palma de suas mãos, por meio de aplicativos.

Quando olhamos para a jornada do paciente, vemos algo muito complexo, desde o momento que precisamos encontrar uma unidade de saúde até quando recebemos o diagnóstico. Com a pandemia, o cenário começou a mudar. Graças à aprovação da lei que assegura a consulta online, fazendo com que médico e paciente tenham um contato mais próximo, as consultas são as mesmas no mundo virtual e físico.

Para finalizar sua palestra, o diretor de inovação da MV conta a história de um paciente com uma jornada de atendimento digital. Esse paciente começou a sentir leves dores em casa e imediatamente pode pegar seu celular e conversar com um médico de confiança. Se for recomendado, ele pode ir até uma unidade de saúde e, no caminho, realizar o seu check-in. Chegando ao hospital ele pode ir diretamente para a área de atendimento.

Caso o paciente precise ser internado, ele tem toda automação com a equipe médica, de enfermagem, enquanto essa equipe recebe alerta de eventos adversos que podem acontecer com o paciente. Para eventuais cirurgias, é possível que toda a equipe seja avisada para estar pronta. Além disso, é possível que o médico receba uma teleorientação de um colega de outra especialidade.

Portanto, existem diversos ganhos nesse modelo e com essa experiência, como a redução na jornada de atendimento do paciente e menos vidas perdidas por falta de monitoramento. “Aqueles que estão provando essa nova experiência não querem retroceder”, finaliza Emerson.

Portal Saúde Business

About Portal Saúde Business

Formar e informar o executivo de saúde é o que fazemos todos os dias. Há mais de 15 anos desenvolvendo um conteúdo proprietário e centrado nos principais gestores do país, acompanhamos as notícias e tendências que impactarão no dia-a-dia dos hospitais, operadoras, centros diagnósticos, farmacêuticas e clínicas do país.