This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

Conheça 4 startups referências em gamification

By 14 de outubro de 2014 Empreendedorismo

Quando pensamos em programas de saúde digital, especialmente aqueles para adesão ou de uso contínuo, precisamos considerar a maneira de engajar esses pacientes. A Gamification é uma das ferramentas utilizadas para isso e é conceituada como o uso de pensamento e mecânica de jogos em contextos alheios aos video-games para engajar usuários a resolver problemas, dentre estes, problemas de saúde. 

Algumas vezes, recebemos pedidos de exemplos de gamification e resolvemos juntar quatro startups com forte apelo na área. O que essas empresas fazem é tentar tornar o cuidado de saúde o mais divertido possível, resolvendo problemas que não são normalmente resolvidos simplesmente com aplicações úteis.

Audax

A Audax Health Solution acredita que os consumidores podem e devem ser participantes ativos em gerenciar sua própria saúde. Eles fornecem aos usuários uma plataforma para desenvolvimento personalizado de planejamentos de estilo de vida, sendo possível a conexão e competição entre os membros. O principal produto é o Zensey, uma plataforma HIPAA compliant de saúde digital que combina rede social com gamification para uma abordagem completa de saúde. Na plataforma, é possível se estabelecer metas, ter recomendações pessoais, completar um protocolo de risco de saúde, dentre outros. A empresa fechou um acordo com a CIGNA, seguradora de saúde, para disponibilizar a plataforma para seus 12 milhões de clientes. 

Mango

Já a Mango Health é uma empresa de saúde digital também HIPAA compliant que combina o design de jogos e uma aplicação mobile para aumentar as taxas de adesão a medicamentos. O objetivo é a gestão dos medicamentos e de suplementos nutricionais para o alcance de metas de saúde. Os usuários recebem lembretes para não esquecerem uma dose, tomarem o medicamento na hora certa e ganharem pontos para prêmios disponibilizados pela empresa.

Ayogo

A empresa cria programas de mHealth para engajamento, educação e motivação de pessoas com condições crônicas, como diabetes, para que haja mudança de comportamento. Eles têm parcerias com algumas das organizações mais influentes do mundo, como o Joslin Diabetes Center, um centro da Escola de Medicina de Harvard, com a Sanofi-Aventis e outras.

Seu principal produto, chamado Empower, ajuda pacientes recém-diagnosticados com alguma condição crônica para que tomem controle de seus tratamentos. Usando o engajamento natural das redes sociais e a motivação vinda de jogos, o produto ajuda na criação de novos hábitos saudáveis. A ferramenta premia os usuários frente à adesão e a persistência através de mudança de hábitos e de comportamento.

Reflexion Health

Reflexion Health é uma startup com base em San Francisco que desenvolve um software de reabilitação. Vera, seu primeiro produto, tem como objetivo modernizar a fisioterapia, incorporando uma interface interativa que motive o paciente a realizar seus exercícios físicos em casa. Eles estão realizando os estudos pilotos no Center for Connected Health, uma divisão do Partners HealthCare em Boston e no Rady Children’s Hospital, em San Diego.

No meio do ano, eles anunciaram um investimento em Series A de $7,5 milhões com o Mary West Health Investment Fund. O dinheiro está sendo usado para aprimorar sua ferramenta no Kinect.

Nathalia Nunes

About Nathalia Nunes

Fonoaudióloga formada pela FMUSP, com MBA em Economia e Gestão em Saúde na UNIFESP e apaixonada por comunicação, negócios e tecnologia em saúde. Na Live, trabalho com Marketing, Pesquisa e Conteúdo, tanto na produção de materiais editoriais e de pesquisa, quanto na difusão de temas e ações relacionados a negócios em saúde.

Leave a Reply