This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

HIS19 Já conferiu os 40 primeiros palestrantes dessa edição? 🚀 Clique aqui

Prestadores discutem a melhor maneira de promover o engajamento do paciente

By 31 de maio de 2016 Empreendedorismo

Grande parte dos profissionais da saúde acreditam que quanto maior o engajamento do paciente em seu cuidado com a saúde, melhor é o seu resultado em qualquer tratamento. Com isso em mente e o objetivo de empoderar o paciente para que ele perceba a sua importância como agente ativo na cadeia de saúde, discutimos algumas estratégias para alcançar esse envolvimento.

Uma pesquisa publicada pelo blog NEJEM Catalyst com 340 hospitais, executivos da saúde, líderes de clínicas e médicos relatou que um quarto dos seus pacientes demonstram estar altamente engajados nas decisões de cuidados e apenas 9% estavam no nível máximo da pesquisa de envolvimento os procedimentos.

“Estes resultados destacam os desafios adiante de nós, enquanto ter pacientes envolvidos com a saúde e com o sistema de saúde é importante, as baixas taxas de engajamento parecem norma no setor,” escreveu os autores do estudo Kevin Volpp MD, Ph.D, da Universidade da Pensilvania e Namita S. Mohta, MD, do Brigham de Boston e Hospital da Mulher também de Boston.

Os dados da pesquisa mostram como a internet, em que os portais e inovações da nuvem podem auxiliar a revolucionar como o paciente cuida da própria saúde. A tecnologia de encontrar respostas para dúvidas de saúde, por exemplo, o internauta já tem, mas os prestadores podem trabalhar para oferecer uma comunicação bem mais ampla a partir desses recursos.

60% dos entrevistados acreditam que a melhor solução para esse problema é ter médicos, enfermeiros ou outras partes do staff que possam passar mais tempo com os pacientes. Além disso sugeriram métodos de comunicação alternativos como e-mail para potenciais abordagens que aproximem o médico do paciente de forma simples e sem custos extras.

Já 54% dos respondentes também acreditam que outra solução seria uma ferramenta de tomada de decisão compartilhada, pois garante a transparência em relação aos tratamentos.

Veja essa pesquisa completa no NEJEM Catalyst.

Nathalia Nunes

About Nathalia Nunes

Fonoaudióloga formada pela FMUSP, com MBA em Economia e Gestão em Saúde na UNIFESP e apaixonada por comunicação, negócios e tecnologia em saúde. Na Live, trabalho com Marketing, Pesquisa e Conteúdo, tanto na produção de materiais editoriais e de pesquisa, quanto na difusão de temas e ações relacionados a negócios em saúde.

Leave a Reply