This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

Pioneira na teleassistência, fomos conhecer um pouco mais a Telehelp

By 20 de abril de 2014 Empreendedorismo

O Empreender Saúde conversou com a empresa de teleassistência Telehelp. Confira a entrevista:

Quais são os principais serviços oferecidos pela Telehelp?

A Telehelp é uma empresa focada em prevenção. O nosso carro-chefe é o serviço de aviso. Ele é composto por um painel e um botão de emergência remoto, antialérgico e a prova d´água, que permite ao cliente solicitar ajuda em casos de quedas ou emergências ao simples toque de um botão. Ao acionar a nossa central 24h, o idoso é orientado pelos nossos atendentes e se necessário, os contatos escolhidos por ele são acionados para que ele receba ajuda.

A empresa também conta com os serviços de sensor de fogo e fumaça, câmeras de vídeo que podem ser monitoradas via web (tablet, smartphone), celular equipado com botão de emergência e sistema GPS, orientação médica telefônica, atendimento emergencial domiciliar, pulseira de identificação com o telefone da central Telehelp e ligação diária ou semanal – atendentes treinados fazem ligações em dias e horários pré-determinados para verificar as condições de saúde dos usuários.

Quem é o usuário da Telehelp?

A idade média do nosso usuário é 79 anos. Em 50% dos casos, são eles próprios que contratam o serviço. O cliente Telehelp busca independência e segurança. Ele não enxerga o serviço como uma solução para o envelhecimento, mas sim como um instrumento que irá lhe proporcionar uma vida mais confortável e segura. Ainda que a maior parte da nossa clientela seja de idosos, hoje verificamos uma ampliação da nossa carteira de clientes. A Telehelp pode ser uma grande aliada das pessoas com necessidades especiais ou doenças, como Alzheimer, e também de crianças, que monitoradas, deixarão os pais mais tranquilos.

Qual é a situação do mercado de teleassistência no Brasil?

A Telehelp é pioneira em teleassistência no país. Apesar de hoje sermos a única empresa já consolidada no Brasil inteiro, começam a surgir outras empresas no setor. Ainda assim, ainda há muito que fazer no país para aproximar o serviço de teleassistência do grande público.

Qual é o potencial para o crescimento da teleassistência no Brasil?

O crescimento do mercado de teleassistência no Brasil depende muito mais do aumento de oferta ou do conhecimento de que há empresas que prestam este tipo de serviço, do que da existência de demanda.

Considerando que até 2050 o número de idosos no país deve chegar à marca de 50 milhões (IBGE) e superar, pela primeira vez, o número de crianças, a tendência é que surjam mais empresas oferecendo serviços a esta população, como ocorreu no mercado europeu e no norte-americano há cerca de 20 anos. De acordo com pesquisa da BBC Research, o mercado da telemedicina deve movimentar cerca de US$ 35.1 bilhões, no mundo, até 2018. Considerando o número de idosos no nosso país, e principalmente, que a população da terceira idade que mora sozinha triplicou nos últimos 20 anos, existe um grande espaço para este mercado no Brasil.

Qual é o principal desafio para a expansão da Telehelp?

Tornar o serviço conhecido é nosso principal desafio. Já consolidada nos EUA e na Europa, a teleassistência tem demonstrado, através de números, que pode ser uma grande aliada da saúde pública.  Oferecer os serviços da Telehelp, por meio de parcerias com governos, é nosso grande objetivo, já que a teleassistência pode ter um papel importantíssimo na melhora do atendimento público hospitalar.

No Reino Unido, por exemplo, o programa de governo 3millionlives mostrou que a teleassistência pode reduzir em até 45% o índice de mortalidade, em 20% o número de entradas em hospitais e, em 14% o tempo de internação hospitalar, já que o pronto socorro contribui para o tempo de recuperação do idoso.

Pode dar alguns números da empresa (tamanho da carteira de clientes, faturamento anual, investimentos recebidos)?

A Telehelp teve um crescimento de 47% em seu faturamento líquido no ano de 2013, atingindo R$ 8,5 milhões, e ultrapassando a marca de seis mil clientes em todo o Brasil. Esse é um dos melhores registros da empresa, que está há seis anos no mercado. Com ampla capilaridade, em 2013 a Telehelp atendeu a quase três mil sinais de emergência em 230 cidades. A nossa expectativa para 2014 é crescer 50% em número de usuários.

Antônio Leitão

About Antônio Leitão

Leave a Reply