This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

Três gerações dedicadas à reumatologia

By 5 de dezembro de 2019 Carreiras

Paixão, Tradição e Inovação: a editora KPMO lança livro que conta os 75 anos de história da família Cobra e o legado pioneiro nos estudos de patologias que atingem milhões de brasileiros

Os dados são alarmantes! As doenças reumáticas representam a segunda maior causa de faltas no emprego, de solicitações de auxílio doença e aposentadoria por invalidez (IBGE e Ministério da Previdência Social). De acordo com dados da Sociedade Brasileira de Reumatologia (SBR), podem haver mais de 20 milhões de pessoas acometidas pelas doenças reumáticas no Brasil. O reumatismo é uma terminologia que, na verdade, abrange mais de 100 tipos de doenças que podem estar ligadas às articulações, músculos, ligamentos ou ao sistema imunológico.

Para entender a história da medicina reumatológica no país, não tem como deixar de destacar a Clínica de Reumatologia Prof. Dr. Castor Jordão Cobra, que completa 75 anos. E para comemorar este feito, em novembro, chega às melhores livrarias do país a obra Família Cobra: A Medicina e a Reumatologia – 75 anos de Paixão, Tradição e Inovação. Organizada pela biógrafa e editora Keila Prado Costa e publicada pela editora KPMO, a narrativa apresenta um panorama sobre a reumatologia no Brasil a partir da história de três gerações de médicos que se tornaram referências em pesquisas e estudos na área.

O livro é resultado de um extenso trabalho de pesquisas e entrevistas sobre a família e sobre a reumatologia. São mais de 30 depoimentos de profissionais da área, além de outras contribuições. O prefácio é assinado por Georg Schett, um dos maiores especialistas do mundo na área, chefe do departamento de reumatologia e imunologia da Friedrich-Alexander-University Erlangen-Nuremberg (FAU), Alemanha.

O fundador da clínica, o doutor Castor Jordão Cobra, foi um dos pioneiros nos estudos das patologias reumáticas e do tratamento dessas enfermidades. Considerado como grande incentivador da criação da Sociedade Brasileira de Reumatologia em 1949 e eleito o primeiro presidente da Sociedade Paulista de Reumatologia, em 1953, dirigiu por décadas o Serviço de Reumatologia do IOT/FMUSP, no Hospital das Clínicas.

Atualmente, a Clínica de Reumatologia Prof. Dr. Castor Jordão Cobra é dirigida pelo seu neto Dr. Jayme Fogagnolo Cobra, e por sua esposa, Dra. Camille Pinto Figueiredo – reumatologista premiada que lidera o núcleo científico da clínica.

Neste ano de 2019, a clínica tem orgulho dos mais de 60 mil pacientes atendidos em toda sua trajetória e, cada vez mais, se consolida como um dos maiores centros especializados em reumatologia do Brasil.

Endosso sobre o livro:

A Família Cobra tem sido muito bem-sucedida não só por suas principais virtudes: inovação, conhecimento e paixão. Mais do que isso, este livro mostra que eles realmente guiaram a transição da reumatologia no Brasil nos últimos 75 anos. Estou certo de que essa história de sucesso continuará e quero expressar meu reconhecimento a tudo o que foi alcançado pela família e pela reumatologia brasileira”. – Prof. Dr. Georg Schett (pesquisador alemão, chefe do departamento de reumatologia e imunologia da FAU)

Jayme Fogagnolo Cobra – formado em medicina, com residência e mestrado pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (1999). Trabalha no consultório da família desde o período da graduação e, ao longo de sua carreira, trabalhou na gestão e direção de grandes hospitais de São Paulo. Há cerca de 10 anos, Jayme ampliou o serviço de reumatologia prestado pela família para além da clínica particular. Hoje, ao lado de sua esposa Camille Pinto Figueiredo, ele lidera um grupo de mais de 40 médicos que atuam em 8 hospitais de São Paulo, ABC Paulista e Santos, realizando mais 6 mil atendimentos por mês.

Camille Pinto Figueiredo – formada pela Universidade do Estado do Pará (1998), Camille Pinto Figueiredo, esposa de Jayme Fogagnolo Cobra, é hoje o principal braço acadêmico da Família Cobra na Reumatologia. Com residência e doutorado realizados no Hospital das Clínicas (FMUSP) e pós-doutorado pela Friedrich-Alexander-University Erlangen-Nuremberg (Alemanha), Camille é médica e pesquisadora, dedicando-se, sobretudo, aos estudos sobre metabolismo ósseo e HR-pQCT. Atualmente, além de atuar como reumatologista na clínica e nos demais serviços da Família Cobra, desenvolve uma nova pesquisa no Hospital das Clínicas. Em virtude de suas pesquisas, Camille foi congratulada com dois prêmios atribuídos pela Sociedade Brasileira de Densitometria Óssea, juntamente com outros pesquisadores: “Prêmio Antônio Carlos Araújo de Souza em Densitometria Clínica” (2008) e “III Prêmio de Incentivo à Pesquisa em Osteoporose e Osteometabolismo” (2011). Outros prêmios foram conferidos aos diversos trabalhos realizados pela equipe do Hospital das Clínicas da qual Camille faz parte, como The IOF Sergio Ragi-Eis Young Investigator Awards-1, da International Osteoporosis Foundation (2012); 1º Lugar Prêmio Jovem Investigador, da Sociedade Brasileira de Reumatologia (2013); 1º Lugar Prêmio Antônio Carlos de Araújo Souza, BRADOO (2015).

Portal Saúde Business

About Portal Saúde Business

Formar e informar o executivo de saúde é o que fazemos todos os dias. Há mais de 15 anos desenvolvendo um conteúdo proprietário e centrado nos principais gestores do país, acompanhamos as notícias e tendências que impactarão no dia-a-dia dos hospitais, operadoras, centros diagnósticos, farmacêuticas e clínicas do país.

Leave a Reply