Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Vigilância Sanitária interdita farmácia que fabricou lidocaína

Publicidade

Foi interditada hoje (16/08) pela Vigilância Sanitária de Minas Gerais a Farmácia de Manipulação Neoativa, que fabricou a lidocaína suspeita de causar a morte de três pessoas, na Bahia. Produzido em grande escala pela farmácia, o anestésico era posteriormente distribuído pela empresa Medicminas Equipamentos Médicos Ltda, para os estabelecimentos de saúde. A Medicminas foi interditada nesta segunda-feira (15/08) por não possuir autorização de funcionamento, concedida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A suspensão de comercialização e uso dos medicamentos prevalece até que as análises laboratoriais sejam concluídas.
Leia mais:
Anvisa suspende anestésico Lidocaína

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta