Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Vendas da Roche crescem 5% em 2010

Publicidade

A Roche registrou crescimento de 5% nas vendas em moedas locais – sem contabilizar as vendas do medicamento Tamiflu – índice superior ao crescimento do mercado. Incluindo-se o medicamento comprado em larga escala em 2009 para o combate à epidemia da gripe A H1N1, as vendas mantiveram-se estáveis, em torno de 47,5 bilhões de francos suíços.
O lucro por operações cresceu 7% em moedas locais, para 16,6 milhões de francos suíços. A dinâmica de crescimento manteve-se durante todo o 4º trimestre, por conta da forte demanda pelos medicamentos Actemra® (tocilizumabe), Herceptin® (trastuzumabe), MabThera® (rituximabe) e imunoensaios.
O nível de investimento manteve-se na casa dos 19% do faturamento global, índice que contribui, segundo a organização, para o desenvolvimento de novas pesquisas médicas com bons resultados em estudos clínicos, como a droga experimental RG7204, que mostrou benefício significativo em sobrevida para pacientes com melanoma avançado.
Em sua divisão farmacêutica, a Roche teve 5% de crescimento em vendas, excluindo-se o Tamiflu. Os principais fatores de crescimento foram os medicamentos de oncologia, artrite reumatoide e oftalmologia. De acordo com um comunicado da empresa, na Roche Diagnóstica, o crescimento de 8% em moedas locais ficou significativamente acima do mercado, resultado puxado principalmente pela área de Professional Diagnostics Diabetes.












Principais indicadores

Milhões de CHF

Variação %

Em % das vendas

 

2010

2009

Em CHF

Em ML¹

2010

2009

Vendas

47.473

49.051

-3

0

 

 

Pesquisa e desenvolvimento

9.050

9.509

-5

-2

19,1

19,4

Lucro operacional

16.591

16.272

+2

+7

34,9

33,2

Fluxo livre de caixa operacional

14.149

15.722

-10

-6

29,8

32,1

Lucro líquido atribuível a acionistas da Roche

8.666

7.784

+11

 

 

 

Resultado líquido

8.891

8.510

+4

 

18,7

17,3

Core EPS (lucro por ação) (em CHF)

12.78

12.34

+4

+10

 

 

Dividendo por ação² (em CHF)

6,60

6,00

+10

 

 

 

¹ ML=moeda local
² Dividendo 2010 proposto pelo Conselho Diretor
Perspectivas para 2011 anunciadas:

? Espera-se, para o ano de 2011, crescimento de um dígito nas vendas da Divisão Farmacêutica e do Grupo, em moeda local (excluindo Tamiflu® (fosfato de oseltamivir)), em linha com a tendência prevista para o mercado.
? As vendas da Diagnóstica deverão crescer significativamente acima do mercado.
? A taxas de câmbio constante, espera-se, para 2011, um crescimento acima de 5% no lucro por ação.
? Os dividendos deverão aumentar em linha com a tendência de crescimento do lucro por ação.
? Com base no robusto fluxo livre de caixa operacional, a Roche espera reduzir progressivamente o débito e voltar à posição de liquidez de caixa até 2015.
Você tem Twitter? Então, siga http://twitter.com/#!/sb_web e fique por dentro das principais notícias de Saúde.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta