Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Transplante de órgãos aumenta 65% em São Paulo

Publicidade

Em comparação a 1998, a quantidade de transplantes registrados pela Secretaria de Estado de Saúde de São Paulo cresceu 65% em 2003. Este ano, a secretaria marcou um total de 978 transplantes, contra 594 em 1998, ano em que os números foram contabilizados pelo período de 12 meses pela primeira vez. Em relação a 2002, quando foram realizados 839 transplantes, o total registrados em 2003 representa um aumento de 16,5%. Esta soma considera o período até 15 de novembro. O resultado reflete um crescimento na captação de órgãos no Estado, sem contar os transplantes de córnea, que começaram a ser tabulados em 2000. Além disso, os dados da secretaria referem-se somente a doadores falecidos.
O governo do Estado atribui o aumento do número de transplantes ao treinamento e especialização dos profissionais que trabalham na captação de órgãos, além da conscientização da população sobre a importância da doação. Em São Paulo, o órgão com maior quantidade de transplantes é a córnea, que totalizou 2930 doações em 2003. Em segundo lugar está o rim, com 521 ocorrências.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta