✉️ NEWSLETTER Assine gratuitamente e atualize-se semanalmente Assinar

Temporão critica Conferência Nacional de Saúde

Publicidade

A 13ª Conferência Nacional de Saúde gerou resultados resistentes a mudança. Os participantes do evento, que ocorreu neste mês de novembro, posicionaram-se contra projetos relevantes para a saúde pública, tais como aborto e instituição de fundações estatais para administração de hospitais públicos.
Diante dessa conjuntura, o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, posicionou-se desfavorável ao evento, que – de acordo com ele, não cumpre a real função de avaliar o sistema público como um todo.
Mesmo com a posição contrária da conferência, Temporão também informou que se manterá irredutível com a defesa das fundações estatais. Por conta disso, o governo federal estará aberto para negociar alternativas dentro do projeto de lei já existente e encaminhado.

       
Publicidade

Deixe uma resposta