HIS17 É hora de mudar a saúde! Faça como seus colegas, participe do HIS. Quero participar da mudança

Startups israelenses arrecadam quase U$ 400 milhões este ano

Publicidade

Em 2016 as startups israelenses levantaram um recorde de U$ 4,8 bilhões, um aumento de 11% em relação aos U$ 4,3 bilhões do ano anterior, de acordo com IVC-ZAG. Com menos de quatro semanas de 2017 parece que o mesmo ritmo recorde de angariação de fundos está sendo mantida. “Globos” descobriu que 17 empresas israelenses arrecadaram quase U$ 400 milhões neste ano.

Em consonância com a tendência do ano passado, parece que menos startups israelenses estão levantando mais dinheiro, em fases de financiamento posterior. Estes incluem a empresa de armazenamento de flash chamada Caminario, a qual arrecadou U$ 75 milhões, a empresa de segurança cibernética SentinelOne, que arrecadou U$ 70 milhões e a empresa de rastreamento de aplicativos para celular AppsFlyer a qual arrecadou U$ 56 milhões.

Outras somas significativas foram levantadas pela empresa de segurança cibernética Transmit Security (U$ 40 milhões), a Valens Semiconductor (levantando U$ 20 milhões), a Aquarius Engines (levantando U$ 20 milhões), a companhia de smartphones Corephotonics (U$ 15 milhões) e a empresa de eletrônicos de potência VISIC (U$ 11,6 milhões).

A segurança cibernética continua a ser o setor de mais rápido crescimento e apenas ontem três empresas anunciaram rodadas de financiamento – Secret Double Octopus (U$ 6 milhões), Cybellum (U$ 2,5 milhões) e redes ilusórias (não divulgadas da Microsoft Ventures).

O capital também está sendo levantado por empresas israelenses em bolsas de valores. A IC Power entrou para angariar até U$ 389 milhões na NYSE, e a empresa de segurança cíclica CheckMarx está planejando uma oferta secundária da Nasdaq. Duas empresas biométricas – a Pluristem Therapeutics Ltd. (TDA: CFBI) e a Can-Fite BioPharma Ltd. (TASE: CFBI) arrecadaram U$ 15 milhões e U$ 5 milhões, respectivamente.

       
Publicidade

Deixe uma resposta