Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

SP inicia produção inédita de vacinas contra a gripe

Publicidade

O Governo de São Paulo, por meio da Secretaria da Saúde irá entregar neste ano, ao Ministério da Saúde, as primeiras vacinas antigripe produzidas nacionalmente em toda a história. Cerca de três milhões de doses serão disponibilizadas em abril pelo Instituto Butantã, para a Campanha de Vacinação do Idoso. A instituição completou 110 anos de existência nesta última quarta-feira (23).

A expectativa é que o país se torne autossuficiente na produção de vacinas contra a gripe até o próximo ano, informou a Secretaria. Além de produzir vacinas contra gripe comum, a fábrica do Instituto Butantã tem capacidade de produzir outros subtipos de vírus de Influenza, como a H1N1, gripe suína, e H5N1, gripe aviária, em caso de pandemia.

De acordo com o governador Geraldo Alckmin, no ano que vem, 22 milhões de vacinas contra serão produzidas. A fábrica possui 10 mil m² e é dividida em três andares. A vacina é produzida exclusivamente no segundo, a partir de ovos de galinha vindos de granjas previamente certificadas, que criam animais sem o uso de antibióticos e com ração especial, para que não haja interferência no processo produtivo, reações adversas e eventuais efeitos colaterais.
 
O prédio da fábrica de vacinas contra a gripe foi inaugurado em 2007 e até outubro de 2010 passou por um processo de adequação, certificação dos equipamentos e validação de todo o processo de produção. O investimento total foi de cerca de R$ 100 milhões.
Parte das doses de vacina contra a gripe solicitadas pelo Ministério para a campanha deste ano serão formuladas e envasadas no Butantã, e outras virão prontas do exterior.

Você tem Twitter? Então, siga http://twitter.com/#!/sb_web e fique por dentro das principais notícias de Saúde.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta