Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Smartphones que salvam vidas! Aplicativos de celular que diagnosticam melanoma e malária (SpringWise)

Publicidade

“Pensar fora da caixa” é realmente algo difícil de definir. O governo americano criou recentemente um certificado para empresas  chamado “Meaningful Use Certificate” que confere vantagens e verbas a empresas que utilizem a tecnologia de maneira inovadora produzindo impactos reais na saúde. É onde o verdadeiro desafio está lançado: “pensar fora da caixa” produzindo impactos reais. Hoje eu trouxe duas inovações que apareceram no site SpringWise recentemente e que considero que estão atingindo esse objetivo. E parabéns ao criadores do aplicativo DrChrono e ao Y Combinator por serem os primeiros a receber o “Meaningful Use Certificate”!

LifeLens – Aplicativo diagnostica malária a partir de uma única gota de sangue

Focando milhões de pessoas em risco de malária na África sub-saariana e em outras partes do mundo, Lifelens é um projeto que criou um aplicativo para smartphone para diagnosticar essa doença insidiosa transmitida por mosquitos.

Mais de um milhão de pessoas morrem a cada ano de malária e cerca de 85 por cento deles são crianças com idade inferior a 5 anos, de acordo com o projeto Lifelens. A ferramenta de diagnóstico mais prevalente, entretanto, é o teste de diagnóstico rápido (RDT), que é conhecido por ter uma taxa de 60 por cento de resultados falso-positivos. Que, por sua vez, acaba levando ao tratamento muitas pessoas que realmente não têm malária, elevando os custos do tratamento anti-malária de forma significativa. O projeto Lifelens, por outro lado, visa tornar o processo mais barato e mais preciso através da análise de sangue digitalmente. Especificamente, o aplicativo pode analisar uma imagem ampliada de uma gota de sangue capturada via uma simples picada no dedo, inclusive contando os vários tipos de células que inclui. Parasitas da malária estão entre as coisas que o aplicativo pode identificar, fazendo resultados falsos muito menos prováveis. Quando a análise está completa, os dados são enviados para a Web, onde podem ser mapeados para se identificar onde os surtos de malária estão ocorrendo.

O vídeo abaixo demonstra Lifelens em ação:

Skin Scan – Aplicativo faz screening para melanoma e cria mapa geográfico

Nós já vimos aplicativos móveis criados para uma variedade de funções úteis, mas não foi até recentemente que nos deparamos com um projeto para ajudar a prevenir câncer. Com certeza, Skin Scan é um aplicativo para iPhone que pode ser usado para analisar e monitorar pintas para que os usuários possam ser alertados no início para qualquer perigo em potencial.

A ideia do romeno Cronian Labs, Skin Scan ajuda os usuários a analisar e manter um arquivo de pintas em sua própria pele ou a de membros da família para posterior análise e comparação. Compatível com iPhone e iPod touch, o aplicativo permite ao usuário tirar uma foto de uma pinta e analisá-la através de algoritmos proprietários de avaliação. Especificamente, Skin Scan calcula a dimensão fractal da pinta e pele ao redor e constrói um mapa estrutural que revela diferentes padrões de crescimento dos tecidos envolvidos, ajudando assim a identificar qualquer desenvolvimento anormal. A funcionalidade do aplicativo de arquivamento, por sua vez, ajuda a manter o controle do desenvolvimento de uma pinta em particular ao longo do tempo, enquanto Skin Scan também proporciona aos usuários uma maneira de encontrar médicos por perto para quando eles precisam de uma consulta. Finalmente, em virtude do fato de que ele pede a localização do usuário, Skin Scan também pode mapear as perspectivas para pintas ao redor do globo. Skin Scan está agora disponível na App Store da Apple por US $ 4,99.

Em meio a todos os jogos e aplicativos sociais, é fácil esquecer o potencial de computação móvel para fazer uma diferença real em nossas vidas. Empresários móveis ao redor do mundo: Inspirem-se!

Empreendedores, como mais podemos salvar vidas com aplicativos?

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta