Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Sistema de TI ajuda pesquisa de câncer de mama

Publicidade

A Rede de Pesquisa de Câncer Estados Unidos – América Latina (US-LA CRN, na sigla em inglês) dá início ao desenvolvimento e customização do projeto-piloto sobre câncer de mama localmente avançado.
Ferramentas como Open Clinica, caTISSUE e caARRAY, desenvolvidas pelo Instituto Nacional de Câncer dos EUA para armazenamento de dados clínicos e gestão do banco de tumores, devem ser utilizadas no projeto-piloto da rede. O INCA vai adaptar os formulários do questionário epidemiológico do projeto ao sistema Open Clinica e disponibilizá-lo para os parceiros latino-americanos.
Em setembro de 2009 um acordo de cooperação foi assinado entre o NCI dos EUA e os governos do Brasil, Argentina, Chile, México e Uruguai para que o projeto-piloto de pesquisa de câncer de mama localmente avançado fosse dividido em seis subáreas clínicas, envolvendo especialistas de cada área para o desenvolvimento mais objetivo dos processos. São grupos de oncologia clínica/mastologia, patologia, epidemiologia, molecular/bioinformática, tecnologia da informação e bioética.
Você tem Twitter? Então, siga http://twitter.com/SB_Web e fique por dentro das principais notícias do setor.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta