5º CONAHP debaterá “O Hospital do Futuro: O Futuro dos Hospitais”. Faça já sua inscrição → Clique aqui

Setor de saúde busca automatização no acesso à informação e digitalização é alternativa

Publicidade

Recentemente o vazamento de exames médicos da ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva fez alguns hospitais repensarem sobre a logística de armazenamento das informações. A gestão de dados para este mercado sempre foi bastante desafiadora, por ser exatamente as informações que auxiliam na identificação de um diagnóstico, descoberta de novas curas, pesquisas laboratoriais, desempenhos administrativos em outros cenários econômicos, entre outros.

Em um setor onde a evolução é impulsionada por um histórico de dados antigos que dão origem à conhecimento gradativo, as informações antigas valem “ouro” e precisam ser transformadas em arquivos digitais com inteligência aplicada, para que tenha o cuidado necessário, segurança eficaz e facilidade no acesso.

Diante deste cenário, a Kodak Alaris, empresa líder no desenvolvimento de scanners e softwares inteligente acolheu este mercado para dedicar toda a sua força em inovação e assim criar soluções inteligentes, pertinentes à necessidade de captura de dados e organização digital. “Os quesitos segurança e facilidade de acesso aos prontuários médicos e documentos antigos, são apontados como os mais buscados pelo setor. Na esfera administrativa, o objetivo é ganhar agilidade e automatização na aprovação de exames e procedimentos”, reforça o especialista em digitalização e gerente de soluções na América Latina, Paulo Fernandes.

 

 

 

       
Publicidade

Deixe uma resposta