HIS17 Já emitiu sua credencial gratuita para o HIS '17? Clique aqui

Sepse: como vencer esse inimigo silencioso

Publicidade

A sepse, doença de saúde pública responsável por aproximadamente 18 milhões de mortes por ano em todo o mundo, afeta 400 mil pessoas no Brasil, com praticamente 250 mil mortes, além de custar anualmente ao sistema hospitalar R$ 17 bilhões (dados do Instituto Latino-Americano de Sepse). Para diagnosticar precocemente a doença e, assim, reduzir a taxa de mortalidade, permanência da internação e custo nos hospitais, já está disponível no Brasil um produto que identifica as células do corpo que não estão recebendo a quantidade necessária de oxigênio – o cateter PreSep, desenvolvido pela Edwards Lifesciences, líder mundial na produção de válvulas cardíacas e em sistemas de monitorização hemodinâmica.

Através da fibra ótica do PreSep: Cateter de Oximetria Venosa Central, é possível a monitorização contínua da saturação do oxigênio no sangue (ScvO2) da pressão venosa central, ou seja, há a identificação das células do corpo que não estão recebendo a quantidade necessária de oxigênio. O presidente da América Latina da Edwards Lifesciences, Fernando Jorio, explica que com esse diagnóstico precoce, muitas vidas são salvas antes que a infecção assuma proporções devastadoras. “Há 50 anos, a Edwards trabalha com atividades sob a marca que a consolidou junto ao mercado e, em especial, à classe médica: a inovação, com produtos da mais avançada tecnologia em dispositivos médicos”, esclarece.

       
Publicidade

Deixe uma resposta