Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Secretaria do Estado de São Paulo moderniza farmácias

Publicidade

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo vai estender o novo sistema eletrônico de dispensação de medicamentos excepcionais para todas as regiões do Estado até o final deste ano. As farmácias de remédios de alto custo, para doenças raras e crônicas, seguirão o modelo de sucesso do Hospital das Clínicas (HC) de São Paulo e serão implantadas nos hospitais universitários do Estado. Com isso, a entrega dos remédios ficará mais fácil e rápida, informa a Secretaria de Estado da Saúde. São José do Rio Preto será a primeira região beneficiada. A partir de julho, a distribuição de medicamentos de alto custo, feita hoje no Núcleo de Gestão Assistencial do município, vai passar para o Hospital de Base da cidade, gerenciado pelo Estado.
O local foi escolhido porque atende a 83% das pessoas que necessitam de medicamentos excepcionais no município. Com o novo sistema, os pacientes não precisarão deixar o hospital para adquirir medicamento. Toda a documentação exigida, desde a geração da Solicitação de Medicamentos Excepcionais até a Autorização de Procedimento de Alta Complexidade/Custo (APAC), será feita eletronicamente e gerenciada por softwares.
No HC, que atende em média 750 pessoas por dia na farmácia de alto custo, o paciente passa pela consulta e recebe o medicamento no mesmo dia. O médico que prescreve o remédio preenche na hora a solicitação. Com o documento em mãos, o paciente vai ao pólo autorizador do hospital para retirar a APAC. Depois, basta se dirigir ao guichê da farmácia para receber os medicamentos. O sistema eletrônico permite reduzir consideravelmente o tempo de espera para a retirada de medicamentos excepcionais.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta