HIS17 Já emitiu sua credencial gratuita para o HIS '17? Já são +1.600 profissionais! Clique aqui

#SBF17: “Que indicadores me permitem entregar valor?”, diz Dr. Chaiken

Publicidade

Conversei com o Dr. Barry Chaiken, Professor Adjunto da Boston University e ex-Membro do Conselho da HIMSS, sobre Saúde com base em Valor (Value-based Healthcare) e os impactos da mudança do modelo atual no sistema de saúde.

Para contextualizar e dar o tom da discussão de adoção de tecnologia e mudança de modelo, Dr. Chaiken contou um pouco da experiência americana nos últimos anos com o Affordable Care Act.

Para ele, as organizações de saúde colocaram todo o foco na aquisição de sistemas e implementação das regras necessárias para o recebimento do incentivo do governo americano e, hoje, não conseguem ter certeza do retorno do investimento.

“Como sabemos que estamos colocando mais valor no sistema? Como sabemos que estamos aumentando a qualidade? Estamos, de fato, diminuindo os custos?”, questiona Dr. Chaiken.

Para ele, antes da aquisição desenfreada de tecnologia, três pontos precisam ser questionados e definidos:

– Que indicadores me permitem atingir a saúde com base em valor?

– Como usar essas métricas para gerenciar a organização?

– Como garantir que essas métricas sejam adotadas pelo corpo clínico de forma que eles mudem sua rotina e, de fato, entreguem valor?

O último passo, segundo Chaiken, precisará especialmente de atenção, porque precisaremos de profissionais que estejam dispostos a mudar completamente a forma como entregam o cuidado de saúde.

“Uma transição bem-sucedida para um modelo de remuneração baseada em valor depende de colocar pessoas e tecnologia juntas, trabalhando de forma inteligente e eficiente”, diz Dr. Chaiken. Para ele, a mudança para o novo modelo requer que os provedores mudem de forma disruptiva os processos e workflows de cuidado para garantir alta qualidade, cuidado seguro e, tudo isso, a custos razoáveis.

       
Publicidade

Deixe uma resposta