Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Saúde registra infecção pela superbactéria em SP e PR

Publicidade

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, informou que também foram registrados casos de contaminação pela superbactéria Klebsiella pneumoniae carbapenemase (KPC) nos estados de São Paulo e do Paraná. Até agora, só se tinha notícia de infecções pela bactéria no Distrito Federal.

A Secretaria de Saúde do Paraná informou que 21 casos da superbactéria foram confirmados na cidade de Londrina. Não há registro de morte. O balanço não inclui dados da capital, Curitiba.
A Secretaria de Saúde de São Paulo informou que não há surto da KPC no estado. Segundo o órgão paulista, não se registra casos isolados porque a notificação não é obrigatória. No entanto, o ministro Temporão afirmou que os casos devem ser comunicados.
“O que temos confirmado, até o momento, é a presença dessa bactéria específica no Distrito Federal, em São Paulo e no Paraná. Existem normas e regras que obrigam os hospitais a notificarem a presença de infecções hospitalares”, disse Temporão, após evento no Palácio do Planalto.
Os últimos dados da Secretaria de Saúde do Distrito Federal constataram 135 casos suspeitos de contaminação e 15 mortes relacionadas à infecção.
Para o ministro Temporão, a proliferação de superbactérias está ligada ao uso indiscriminado de antibióticos, que torna os micro-organismos resistentes à medicação. Segundo o ministro, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) deve finalizar na próxima sexta-feira (22) resolução com regras mais rígidas para a venda de antibióticos.
A vigilância sanitária reunirá especialistas em infectologia para discutir medidas de contenção da KPC.
Leia mais:
Superbactéria é registrada em SP; HC teve 70 casos
DF reforça alerta a hospitais para prevenir contaminação por superbactérias
Sobe para 135 número de casos com a superbactéria no DF
Você tem Twitter? Então, siga  http://twitter.com/SB_Web e fique por dentro das principais notícias do setor.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta