Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Saúde destina R$ 80,16 milhões em convênios para Minas Gerais

Publicidade

O Ministério da Saúde vai destinar R$ 80,16 milhões em forma convênios para fortalecer a rede do Sistema Único de Saúde (SUS) em Minas Gerais. O ministro da Saúde, Humberto Costa, foi à capital mineira para lançamento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), informa a Agência Saúde.
O município de Belo Horizonte passou a integrar a rede nacional do Samu. Para custeio do serviço já em funcionamento o Ministério da Saúde irá disponibilizar, mensalmente, R$ 136,5 mil, o que representa 50% do custo estimado, quando da adequação final do serviço às normas de qualificação. O restante do custeio será pactuado entre os gestores municipal e estadual de saúde.
Desde 1995, Belo Horizonte possui um serviço de assistência móvel às urgências. Atualmente o município conta com sete unidades de suporte básico, duas unidades de suporte avançado e central de regulação médica de urgência para coordenar os atendimentos.
Nos próximos meses, o Samu Belo Horizonte será implementado com ambulâncias de suporte básico e de suporte avançado equipadas, além de equipamentos e ampliação, construção e reforma da Central de Regulação Médica de Urgência, que modernizarão ainda mais a assistência prestada à população, consolidando assim a Política Nacional de Atenção às Urgências no Sistema Único de Saúde no município de Belo Horizonte.
O governo federal está investindo R$ 120,1 milhões na criação dos Serviços de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) nos municípios e regiões de maior porte populacional. Esses serviços atenderão às urgências de natureza traumática, clínica, pediátrica, cirúrgica, gineco-obstétrica e psiquiátrica.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta