HIS17 Já emitiu sua credencial gratuita para o HIS '17? Já são +1.800 profissionais! Clique aqui

Roche cria fundação para pesquisa da anemia

Publicidade

Com objetivo de estimular pesquisas inovadoras capazes de abrir novas rotas para a exploração no campo da anemia, a Roche Mundial acaba de anunciar a criação da Fundação Roche para a Pesquisa da Anemia (RoFAR). Nos primeiros quatro anos, a entidade receberá do laboratório quase R$ 40 milhões para investir em bolsas de estudos sobre a doença. Para o presidente do Conselho dos Administradores da fundação diretor da área médica e de pesquisas do Renal Research Institute, em Nova York, Dr. Nathan Levin, a RoFAR estimulará novas pesquisas em relação à anemia, doença que pode se tornar uma complicação séria para muitos pacientes com câncer e doenças renais. Por isso, segundo Levin, é importante que os médicos e pesquisadores em todo o mundo aproveitem essa oportunidade para se envolverem em pesquisas que ajudarão a melhorar a compreensão a respeito desse assunto.
Os membros das comunidades acadêmicas das universidades, centros de diálise e institutos de pesquisas de todo mundo podem se candidatar a bolsas do RoFAR. Serão consideradas novas pesquisas em áreas relacionadas ao estudo da anemia associada ao câncer e às doenças renais, anemia em doenças crônicas, anemia relacionada à insuficiência cardíaca congestiva e ao derrame e os efeitos das drogas eritropoiéticas sobre o endotélio e cérebro. A primeira rodada de premiações será anunciada no Encontro da Sociedade Americana de Hematologia, entre 3 e 7 de dezembro, em San Diego, Estados Unidos.

       
Publicidade

Deixe uma resposta