Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

RJ: Eco Sistemas implanta ferramenta de otimização de processos em UPAs

Publicidade

A Eco Sistemas, empresa que atua no segmento de tecnologia da informação, implantou recentemente seu sistema de Paperless, versão 4.3 na Unidade de Pronto Atendimento UPA ? 24 horas, na unidade de Niterói, Rio de Janeiro. Segundo o analista de negócios, Fernando Oliveira, a nova ferramenta aumenta a rastreabilidade dos dados, com racionalização do trabalho e segurança no andamento das informações.
?Nós liberamos uma versão do produto que cobre todo processo de atendimento na unidade, desde que o paciente é acolhido até o momento em que deixa a unidade?.
De acordo com Oliveira, a ferramenta repassa todos os processos dos quais o paciente tem contato. Dentre eles, abertura de registro, chamada do paciente e encaminhamento do indivíduo para sala de observação.
?Com essa metodologia é possível alcançar melhor qualidade na realização de processos, pois tudo é disponibilizado eletronicamente nos paineis das UPAS.?
Ele conta que o sistema Paperless 4.3 disponibiliza dados sobre controle de exames desde sua coleta até o laudo final. Além disso, possibilita que os usuários tenham acesso a telas explicativas que mostram a simulação do processo de atendimento desde o acolhimento (chegada do paciente) até a alta ou remoção para outra unidade de atendimento.
A humanização dos processos é uma característica contemplada no novo sistema. Oliveira conta que os números foram abolidos e agora os pacientes são anunciados pelo nome no painel e também pelo recurso de voz. ?Esse atendimento faz parte da Política Nacional de Humanização da Atenção e Gestão do SUS. E é uma maneira do indivíduo se sentir valorizado?.
Para Oliveira, o abandono dos números facilita o acesso a pessoas com dificuldade de visualização dos caracteres no painel e também usuários que não sabem ler.
Além disso, o público também é classificado em diferentes níveis de riscos, para que os casos mais delicados possam ser atendidos com mais agilidade.
?Instauramos um protocolo de classificação de risco, que prioriza o paciente em quatro cores, vermelho, amarelo, verde e azul. Mediante a classificação de sinais vitais, atribui espera a quem pode esperar mais?.
Segundo o analista de negócios, por mais que o projeto favoreça a diminuição no consumo de papel, ainda é cedo para abolir de vez o seu uso. ?A redução a zero das impressões é um estágio um pouco à frente, pois é necessário estar com tudo certificados, mas estamos trabalhando para sua diminuição?.
Atuação nas UPA´s
Em junho de 2007, a Eco Sistemas firmou sua parceria com a Secretaria do Estado de Saúde e Defesa Civil do Rio de Janeiro e desenvolveu o projeto de TI para apoiar os processos nas UPAs 24h.
Desde então, a empresa possui seu sistema em trinta e nove unidades em todo o estado do Rio de Janeiro. Destas trinta e nove, dezenove possuem a versão atualizada do sistema.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta