Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Repasse dos recursos da saúde pode ser automático

Publicidade

A Câmara analisa o Projeto de Lei 3257/04, do deputado Geraldo Resende (PPS-MS), que determina o repasse automático dos recursos orçamentários destinados à área da Saúde. A proposta proíbe a União de estabelecer condições para a liberação dessas verbas, garantindo assim a autonomia dos estados e municípios sobre os recursos para o setor. O autor da proposta afirma que a Lei Orgânica da Saúde assegura o repasse automático dos recursos do Orçamento da União, alocados no Fundo Nacional de Saúde, para transferência aos estados, Distrito Federal e municípios. Além disso, segundo ele, a medida obedece à lógica do Sistema Único de Saúde (SUS), que preconiza o planejamento e orçamento, com metas de serviços pactuadas segundo as realidades locais e regionais.
O projeto, que tramita em caráter conclusivo, está sendo analisado pela Comissão de Seguridade Social e Família, e tem como relator o deputado Geraldo Thadeu (PPS-MG). Em seguida, será encaminhado para análise da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta