Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Reforma hospitalar pode envolver fusões em hospitais

Publicidade

O governo federal estuda, para o próximo ano, a realização de fusões em hospitais brasileiros, segundo informações da Agência Brasil. O anúncio foi feito pelo ministro da Saúde, Humberto Costa, durante seminário em São Paulo, que trata da reforma hospitalar brasileira (leia matéria anterior). De acordo com ele, há no País um grande número de hospitais distribuídos de forma irregular. Ele destacou que nas regiões onde há grande concentração de hospitais o resultado é que boa parte deles não consegue sobreviver.
O ministro defende que em alguns casos a melhor alternativa é criar um mecanismo de fusão dos hospitais. Costa ainda afirmou que a reforma terá como um dos focos as instituições de saúde de pequeno porte, que possuem entre cinco e 30 leitos e representam 40% da rede hospitalar brasileira, formada por 6.012 instituições.
O Ministério da Saúde irá disponibilizar aproximadamente R$ 180 milhões por ano para o financiamento destes estabelecimentos. De acordo com o ministro, a idéia é que eles deixem de receber por procedimento médico e passem a contar com uma verba mensal fixa, estimada em R$ 10 mil.
Para poder utilizar o financiamento o hospital terá que atender a alguns requisitos: ser público e filantrópico, estar localizado em um município com até 30 mil habitantes e que o programa Saúde da Família alcance 70% da população na cidade.
Na avaliação de Costa, a reforma hospitalar já começou, mas ainda falta muito. Para ele, houve grandes avanços na reestruturação e financiamento de hospitais de ensino com o estabelecimento de contratos de gestão, implementação de metas e a busca de um atendimento humanizado.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta