Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Rede nacional de saúde informatizada custaria US$156 bilhões nos EUA

Publicidade

Um estudo do Centro para Liderança em Tecnologia da Informação, criado pela Partners HealthCare, de Boston, mostra que uma rede nacional de saúde informatizada nos Estados Unidos custaria US$ 156 bilhões em investimentos por cinco anos e US$48 bilhões em custos operacionais anualmente.
Em 2003, o país gastou U$247,5 bilhões em saúde, o que representa 15% do PIB (Produto Interno Bruto) americano.
O sistema incluiria prontuários eletrônicos, comunicação eletrônica entre pacientes e provedores de serviços, avisos, liberações e verificações eletrônicas, leitura e compartilhamento de resultados de exames, prescrição e solicitações de procedimentos.
A pesquisa, publicada nos Anais de Medicina Interna do American College of Physicians, também mostra que a integração com os sistemas existentes seria relativamente fácil em 20% das instituições e difícil em 50%. Os custos da integração em sistemas mais difíceis custariam até seis vezes mais do que nos fáceis.
A estimativa foi baseada nos preços de mercado para hardware e software e incluiu consultórios, hospitais, agências de saúde, laboratórios clínicos e farmácias, entre outros.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta