Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Quatro pessoas são presas por roubar remédios Mabthera

Publicidade

O esquema de roubo do medicamento contra o câncer terminou com a prisão de quatro suspeitos nesta segunda-feira (17). Um dos presos era o responsável pela compra dos medicamentos roubados.
A operação era investigada desde agosto de 2009, quando o dono da distribuidora de medicamentos Oncofarma foi preso por vender remédios roubados. Segundo a polícia de São Paulo, os medicamentos eram roubados de hospitais e postos de saúde e revendidos para o Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Paraná e Paraíba. Ainda de acordo com a polícia, só do medicamento Mabthera, fabricado pela Roche para o tratamento contra câncer, a Oncofarma teria vendido cerca de R$ 2,3 milhões.
Os policiais da Delegacia de Saúde Pública estavam à procura de oito homens. Quatro foram encontrados. De acordo com o delegado Anderson Giampaoli, desde agosto do ano passado um mesmo centro de saúde foi assaltado quatro vezes e, em todos os casos, os ladrões pediam pelo Mabthera, remédio pelo qual o estado paga até R$ 6 mil por unidade.
Na última ação dos ladrões, o grupo levou R$ 1,5 milhão em medicamentos.
Relembre o caso:
Oncofarma teria vendido R$ 2,3 mi de Mabthera furtado
Caso Oncofarma: Mais nove pessoas são presas
Funcionários do Estado envolvidos no caso Oncofarma
Fleury e Unimeds teriam comprado medicamento roubado
Você tem Twitter? Então, siga http://twitter.com/SB_Web e fique por dentro das principais notícias do setor.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta