Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Programa de reestruturação de hospitais de ensino chega a Campinas e Limeira

Publicidade

Cinco hospitais de ensino da cidade de Campinas e a Santa Casa de Limeira, no interior paulista, aderiram ao Programa de Reestruturação dos Hospitais de Ensino no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). De acordo com a Agência Brasil, essas unidades receberão no total R$ 24,3 milhões por ano, valores que serão incorporados ao teto financeiro dos gestores da Saúde de Campinas e Limeira. Em Campinas, farão parte do Programa de Reestruturação dos Hospitais de Ensino a Maternidade Celso Pierrô, o Hospital das Clínicas da Unicamp, o Centro de Atendimento Integrado à Saúde da Mulher, o Hospital Estadual de Sumaré e o Hospital Municipal Dr. Mário Gatti. Em Limeira, será incluída no programa a Santa Casa.
A adesão ao programa exige que esses hospitais assumam algumas metas. O Hospital das Clínicas de Campinas e o Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher comprometeram-se a realizar 172 mil procedimentos ambulatoriais especializados de média complexidade e 62 mil de alta complexidade, além de 22,5 mil internações. As duas unidades juntas destinam 667 leitos ao SUS, que é 40% dos leitos de Campinas. Ao todo, o Ministério da Saúde disponibilizará mais de R$ 150 milhões para estados e municípios para incentivar a contratação de hospitais de ensino.
Os repasses do Ministério da Saúde para Campinas aumentaram cerca de 30% de 2002 para 2004, passando de R$ 82,11 milhões para R$ 106, 7 milhões. Já para o município de Limeira os repasses federais cresceram 31%. No ano passado, foram destinados R$ 24,67 milhões, contra R$ 18,69 milhões em 2002.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta