Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Presidente do Hospital do Câncer é escolhido para diretoria da Fapesp

Publicidade

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, escolheu ontem os novos executivos da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo). O presidente do Hospital do Câncer, Ricardo Renzo Brentani foi escolhido como diretor-presidente do Conselho Técnico-Administrativo (CTA); Marcos Macari para vice-presidente e Carlos Henrique de Brito Cruz para diretor científico, informa a Agência Fapesp.
Os nomes foram escolhidos a partir das listas tríplices elaboradas pelo Conselho Superior da FAPESP e encaminhadas ao governador na semana passada. As listas foram definidas em eleição da qual participaram dez conselheiros dos doze que compõem o Conselho Superior. A escolha foi feita a partir das listas encaminhadas pelo Comitê de Busca e Seleção, constituído para o processo seletivo.
Ricardo Renzo Brentani é o novo diretor-presidente do Conselho Técnico-Admistrativo (CTA), vaga aberta desde o falecimento de Francisco Romeu Landi, em abril. É professor titular da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), diretor do Instituto Ludwig de Pesquisa sobre o Câncer, diretor presidente do Hospital do Câncer-A.C. Camargo e coordenador do Centro Antonio Prudente para Pesquisa e Tratamento do Câncer, um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão da FAPESP. Médico, graduado pela FMUSP, fez doutorado em bioquímica, na mesma universidade.
?É uma posição honrosa que representa o coroamento de uma carreira. Espero estar à altura dos que me precederam?, afirma. O novo diretor-presidente do CTA também destaca o momento vivido pela Fapesp, de implantação de um sistema informatizado de gestão de programas e processos para melhorar a qualidade e a agilidade no atendimento a pesquisadores, e o equilíbrio financeiro conquistado pela Fundação. ?Esse equilíbrio dará a oportunidade de projetar as próximas revoluções científicas no país?, acredita.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta