Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Planos de saúde terão até novembro para negociar com médicos

Publicidade

O prazo para a assinatura de contratos de prestação de serviços entre médicos e operadoras de planos de saúde, que terminaria no dia 14, foi prorrogado pela Agência Nacional de Saúde (ANS). O pedido, da Associação Médica Brasileira (AMB), concede mais 90 dias para que as entidades médicas negociem propostas consensuais com o setor de saúde suplementar.
Os índices de reajuste dos honorários a ser aplicados um ano após a assinatura dos contratos e a definição da remuneração pela Classificação Brasileira Hierarquizada de Procedimentos Médicos (CBHPM) ou pelo rol da ANS são de âmbito regional.
De acordp com a AMB, a proposta que deve balizar as decisões é a das entidades nacionais com o grupo Unidas, disponível no site da associação.
Entre outras medidas, o modelo de contrato estabelece atualização dos honorários até o dia 18 de outubro de cada ano, multa de 1% e juros diários de 0,33% para as operadoras que atrasarem o pagamento e acréscimo de 30% para consultas emergenciais realizadas após as 20h.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta

Planos de saúde terão até novembro para negociar com médicos

Publicidade

O prazo para a assinatura de contratos de prestação de serviços entre médicos e operadoras de planos de saúde, que terminaria no dia 14, foi prorrogado pela Agência Nacional de Saúde (ANS). O pedido, da Associação Médica Brasileira (AMB), concede mais 90 dias para que as entidades médicas negociem propostas consensuais com o setor de saúde suplementar.
Os índices de reajuste dos honorários a ser aplicados um ano após a assinatura dos contratos e a definição da remuneração pela Classificação Brasileira Hierarquizada de Procedimentos Médicos (CBHPM) ou pelo rol da ANS são de âmbito regional.
De acordp com a AMB, a proposta que deve balizar as decisões é a das entidades nacionais com o grupo Unidas, disponível no site da associação.
Entre outras medidas, o modelo de contrato estabelece atualização dos honorários até o dia 18 de outubro de cada ano, multa de 1% e juros diários de 0,33% para as operadoras que atrasarem o pagamento e acréscimo de 30% para consultas emergenciais realizadas após as 20h.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta