Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

PF prende cinco pessoas acusadas de falsificar próteses

Publicidade

A Polícia Federal anunciou nesta quarta-feira, 3, os resultados da Operação Metalose. Trata-se de uma investigação que abrange São Paulo, Paraná, Pernambuco e Maranhão com intenção de desarticular uma quadrilha acusada de falsificar próteses humanas, com o uso de material sucateado.
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) participou da operação, por meio de monitoramento sobre problemas ocorridos com próteses que apresentaram desvios de qualidade.
De acordo com a PF, com a fraude, as quadrilhas conseguiam lucro de até cem vezes o custo do produto falsificado.
Até o momento, a apreensão foi de cinco pessoas e a legislação prevê pena de 10 a 15 anos de prisão, além de multas para as empresas irregulares, que varia de R$ 2 mil a R$ 1,5 milhão, conforme a gravidade dos fatos e das irregularidades sanitárias.
A Anvisa sugere que as pessoas usuárias de próteses confirmem as informações do produto por meio do endereço eletrônico http://www.anvisa.gov.br/scriptsweb/correlato/correlato.htm

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta