Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Pesquisas com embriões começam em agosto

Publicidade

Até quatro de agosto, uma comissão julgadora do Ministério da Saúde vai analisar os 104 projetos de pesquisa com células-tronco embrionárias apresentados por instituições brasileiras. Os projetos selecionados serão financiados pelos Ministérios da Saúde e de Ciência e Tecnologia. O total de recursos será de R$11 milhões, R$ 8 milhões serão liberados ainda esse ano.
Os estudos devem começar após a seleção e ser desenvolvidos em até um ano, incluindo pesquisas em laboratório e experimentos em animais e seres humanos.
O governo também deverá financiar experimentos com células-tronco adultas, derivadas da medula óssea.
O incentivo às pesquisas tem o objetivo de melhorar os tratamentos existentes no país. Na semana passada, teve início o estudo com células-tronco adultas para tratamento de doenças cardíacas.
O governo deve investir R$13 milhões na pesquisa para tratar 1,2 mil pacientes. O governo estima que, se comprovada a eficácia, o tratamento com células-tronco pode reduzir em até R$37 milhões os gastos do Sistema Único de Saúde (SUS).

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta

Pesquisas com embriões começam em agosto

Publicidade

Até quatro de agosto, uma comissão julgadora do Ministério da Saúde vai analisar os 104 projetos de pesquisa com células-tronco embrionárias apresentados por instituições brasileiras. Os projetos selecionados serão financiados pelos Ministérios da Saúde e de Ciência e Tecnologia. O total de recursos será de R$11 milhões, R$ 8 milhões serão liberados ainda esse ano.
Os estudos devem começar após a seleção e ser desenvolvidos em até um ano, incluindo pesquisas em laboratório e experimentos em animais e seres humanos.
O governo também deverá financiar experimentos com células-tronco adultas, derivadas da medula óssea.
O incentivo às pesquisas tem o objetivo de melhorar os tratamentos existentes no país. Na semana passada, teve início o estudo com células-tronco adultas para tratamento de doenças cardíacas.
O governo deve investir R$13 milhões na pesquisa para tratar 1,2 mil pacientes. O governo estima que, se comprovada a eficácia, o tratamento com células-tronco pode reduzir em até R$37 milhões os gastos do Sistema Único de Saúde (SUS).

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta