Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Pesquisa revela conflitos éticos dos médicos

Publicidade

A pesquisa qualitativa ?Bioética e Saúde?, realizada com um grupo de médicos e profissionais da saúde dos municípios de São Paulo e Recife, revela os conflitos éticos dos profissionais. O estudo foi realizado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. A idéia é desenvolver e implantar nas faculdades de Medicina um currículo mínimo para o Ensino da Bioética. Foram feitas 20 entrevistas em profundidade e oito discussões em grupo com médicos, professores e diretores de hospitais, recém-formados e residentes, estudantes de 5º e 6º anos de Medicina, além de profissionais de saúde dos níveis superior e médio.
Entre as principais queixas está a falta de comunicação com os enfermeiros que não costumam contar aos médicos as reclamações dos pacientes. Os profissionais também afirmam ser mais difícil lidar com os familiares do que com os doentes, por serem mais questionadores.
Outra reclamação é referente ao status social da profissão. Para eles, os médicos não desfrutam mais disso e dizem que dentro da própria medicina, há careiras menos valorizadas, como a do médico generalista. Além disso, afirmam que os profissionais procuram se basear cada vez mais nas novas técnicas de diagnóstico, solicitando uma série de exames caros e nem sempre acessíveis aos pacientes. Com isso, eximem-se do exame clínico que poderia substituir com eficiência o uso indiscriminado de exames sofisticados.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta