Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Organização do sistema de saúde

Publicidade

Por meio de parceria entre os governos federal, estaduais e municipais, medidas como a instalação de unidades de pronto atendimento (UPAs) estão mudando e organizando todo o sistema de saúde brasileiro. A afirmação foi feita nesta terça-feira (19) à noite pelo ministro da saúde, José Gomes Temporão, ao inaugurar a UPA do bairro Santa Luzia, em Juiz de Fora, Minas Gerais.
De acordo com o ministro, as unidades de pronto atendimento são um exemplo das mudanças que vêm ocorrendo no setor. “Antes dessa UPA, uma mãe de família teria que acordar de madrugada, se o filho estivesse com febre , e ir para a fila do pronto socorro, para ser mal-atendida, com acolhimento inadequado e em péssimas condições. Agora, ela poderá ter um atendimento elevado.”
Segundo Temporão, outras medidas e planos implantados pelo governo comprovam as mudanças na área de saúd. Ele citou o Saúde da Família, o Brasil Sorridente e o Farmácia Popular, além das UPAs.
“Essa UPA que estamos inaugurando, por exemplo, vai ter laboratório, raio X, médicos, enfermeiras e farmacêutico, de forma que o cidadão possa sair com o seu remédio e dar prosseguimento ao tratamento adequado”, disse o ministro, referindo-se à unidade do bairro Santa Luzia, em Juiz de Fora.
Temporão informou que já foram instaladas no país 290 unidades de pronto atendimento. Para este ano, estão previstas mais 510. Ele acrescentou que, até o fim deste ano, o Serviço de Assistência Médica de Urgência (Samu), deverá atender cerca de 100 milhões de brasileiros.
Você tem Twitter? Então, siga http://twitter.com/SB_Web e fique por dentro das principais notícias do setor.
 
 

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta