Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Opas denuncia discriminação no acesso à saúde na América Latina

Publicidade

A Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) denunciou a discriminação social no acesso aos serviços básicos de saúde na América Latina.
De acordo com pesquisa da Opas, entre 30% e 40% da população do continente está fora de qualquer programa de cobertura médica, por causa da pobreza, distância dos centros de saúde ou discriminação social.
A organização também alertou para a falta de atenção à saúde da mulher: elas não têm acesso aos serviços por conta da organização dos horários nos centros médicos e porque a maior parte dos profissionais são homens.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta