Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

O quê Vicent Castell, Paulo Barros e Carlos Saldanha nos ensinam ?!

Publicidade

Que o carnaval do Rio de Janeiro é sem sombra de dúvida uma das maiores festas da humanidade, não resta dúvida. Porém, o que nos impressiona é a capacidade de renovação desta tradicional festa e os novos talentos que surgem para manter a inovação e a criatividade como motores fundamentais das criações produzidas pelas Escolas de Samba e pelos Blocos Carnavalescos.  Em 2010,  a Unidos da Tijuca venceu o Desfile das Escolas de Samba com o enredo executado surpreendentemente “É Segredo”. Este desfile trouxe o carnvalesco Paulo Barros como novo fenômeno do Carnaval Carioca, levando o vice-campeonato em 2011, com o enredo “Esta noite levarei tua alma”. Em ambos os desfiles o carnavalesco surpreendeu o público com ilusionismo e com efeitos dignos de uma superprodução hollywodiana.  Ao trazer elementos, que não são frequentemente vistos nos desfiles das escolas de samba, Paulo Barros criou um oceano de novas possibilidades, tal qual um artista que inicia um novo movimento, buscando uma linguagem própria para expressar suas criações.

Comissão de frente da Unidos da Tijuca em 2010:

Já Vicent Castell, ator  que atua como o diretor da escola de balé do filme “Cisne Negro, veio mais uma vez prestigiar o Carnaval do Rio e anunciar um filme sobre o Rio e o carnaval. No filme, “Doze Homens e um Novo Segredo”, o ator interpreta uma excelente dança com lasers, um efeito que certamente poderia ser utilizado por Paulo Barros.

Veja a famosa “Dança com Lasers”:

Enquanto isso, Carlos Saldanha, o mais importante animador brasileiro, anuncia uma animação que homenageia o Rio e que traz uma excelente cena com desfile das Escolas de Samba. O diretor, que teve na animação “A Era do Gelo”seu primeiro grande sucesso, credita seu sucesso a muito trabalho duro, a disciplina militar que herdou de seu pai e por aproveitar ao máximo as oportunidades que teve. Já interessado em animação, Saldanha raspou suas economias e foi estudar estudar na prestigiosa New York Visual Academy. Lá, se dedicou integralmente a realizar animações e suas realizações chamaram a atenção de seus professores, que o convidaram  a realizar uma pós-graduação na área. Aproveitando a oportunidade, passou a praticamente viver dentro da Escola e ao final do curso foi convidado para trabalhar na pequena produtora de animações Blue Sky. Lá, realizavam pequenas animações comerciais até surgir a primeira grande oportunidade com “A Era do Gelo”. Com o filme Rio, Carlos Saldanha homenageia sua cidade Natal e se firma como um exemplo de sucesso através do trabalho duro para realizar um sonho.

Veja reportagem do Fantástico sobre o Filme “Rio”, com Carlos Saldanha:

Fonte: Revista Veja, 14/03/2011

Atenciosamente,

Fernando Cembranelli

Equipe EmpreenderSaúde

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta