Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

O antes e o depois que salvam vidas

Publicidade

O antes & o depois que salvam vidas
Clínicos e cirurgiões discutem, dia 18/06, no Hospital Samaritano, as novas tendências em Pré e Pós-operatórios

Tratar um câncer não é tarefa para um médico apenas. Exige uma equipe multidisciplinar que pode englobar até 15 especialistas, entre eles o cirurgião. É o trabalho conjunto desses profissionais que possibilita a escolha da melhor terapêutica de acordo com o perfil de cada um, a neutralização de eventuais efeitos das drogas em órgãos saudáveis e uma recuperação mais rápida.

No entanto, parte da classe médica e a população em geral não acreditam ser este um fator determinante para uma assistência com qualidade e segurança. Continuam, erroneamente, apostando suas fichas na cirurgia em si, segundo o oncologista Eduardo Linhares, um dos convidados do “Simpósio de Pré e Pós-Operatório” que acontece dia 18/06 no Hospital Samaritano.

De acordo com o cardiologista Flávio Cure Palheiro, presidente do Instituto Rio Coração e coordenador do simpósio, o pré-operatório pode definir o sucesso do procedimento. “O clínico é tão importante quanto o cirurgião para o sucesso das operações. É ele quem prepara o paciente e tem condições de melhor conhecer o histórico e avaliar possíveis riscos.” Entretanto, alerta: “hoje, muitos jovens profissionais se baseiam apenas em exames para diagnosticar e escolher o método terapêutico, o que é insuficiente e arriscado”. Para Cure, muitas vezes há deficiências também na interpretação correta dos exames, ação que exige conhecimento aprofundado .

O cirurgião José Ribamar, professor adjunto do Departamento de Cirurgia da Faculdade de Medicina da UFRJ, que abre o evento com uma palestra sobre pacientes obesos submetidos à cirurgia vertical do estômago (nova modalidade de tratamento da obesidade e de distúrbios metabólicos) partilha da mesma opinião de Cure: “No caso da operação do estômago, é preciso analisar outras doenças físicas e mentais decorrentes da própria obesidade e envolver diferentes especialistas para tratá-las, às vezes, antes mesmo da cirurgia; e, após o procedimento, lançar mão da mesma abordagem multidisciplinar – aliás, um caminho sem volta na medicina – para que o paciente tenha uma recuperação rápida e segura, além de qualidade em sua nova vida”, afirma.

A programação é composta por especialistas de áreas em que o número de cirurgias (e, com elas, os processos de pré e pós-operatório) tem aumentado em todo o mundo, como a oncologia, a gastrenterologia e a cardiologia.

PROGRAMAÇÃO

9h – Abertura

9h10 às 9h40 – Dr. José Ribamar: “A cirurgia vertical do estômago: cuidados pré e pós-operatórios nessa nova modalidade para tratamento da obesidade e distúrbios metabólicos”.

9h40 às 10h10 – Dr. David Nigri: “Paciente com apneia do sono: cuidados pré e pós-operatórios”.

10h10 às 10h40 – Dr. Eduardo Linhares: “Cuidados pré e pós-operatórios na cirurgia do paciente oncológico”.

10h40 às 11h10 – Dr. Charles André: “Avaliação do risco de AVC no período do pré-operatório.

11h10 às 11h30 – Coffee Break

11h30 às 12h – Dr. Almir Ghiaroni: “Cuidados pré e pós-operatórios na cirurgia oftalmológica”.

12h às 12h30 – Dr. Alexandre Siciliano: “Avaliação pré-operatória para cirurgia cardíaca”.

12h30 às 13h: Dr. Roberto Prado: “Cuidados pré e pós-operatórios na cirurgia da cavidade oral”.

13h – Encerramento.

SERVIÇO
Simpósio Pré e Pós-Operatório
LOCAL: Hospital Samaritano – Rua Dona Mariana
DIA/ HORA: 18 de junho, das 9h às 13h

Coordenação: Dr. Flávio Cure Palheiro
Apoio: Pfizer
Assessoria de Imprensa: IAA Comunicação
Ivan Accioly – ivan@iaacomunicacao.com.br :: (21) 2533-6614 e 9226-8999

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta