Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Número de pacientes com morte encefálica deve crescer até 20% em 2006

Publicidade

Com a Portaria nº 1752, de 23 de setembro de 2005, que obriga os hospitais com mais de 80 leitos a ter uma Comissão Intra-Hospitalar de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT) em vigor, a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO) prevê um crescimento de cerca de 10% a 20% no número de notificações de morte encefálica no Brasil neste ano corrente. Em 2005, ocorreram 4714 notificações de morte encefálica, cerca de 47% do esperado. Com isso, a ABTO também acredita que aumentará o número de doações de órgãos e tecidos e, por conseqüência, de transplantes. Isso por que a presença dessas comissões facilitará a detecção de possíveis doadores de órgãos e tecidos nos hospitais devido à morte encefálica.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta