Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Mortalidade infantil cai 27% em SP

Publicidade

Levantamento realizado em 2009 pela Secretaria de Saúde de São Paulo em parceria com a Fundação Seade apontou que a taxa de mortalidade infantil no Estado caiu cerca de 27% na última década.

e receba os destaques em sua caixa de e-mail.

De acordo com o estudo, o ano de 2009 registrou o menor índice de mortalidade infantil da história do Estado. O índice ficou em 12,4 óbitos a cada mil nascimentos. Em 2000 o levantamento havia registrado 17 óbitos a cada mil habitantes.

O estudo indicou que a redução das mortes no período neonatal, até 28 dias de vida, foi o que mais contribuiu para o decréscimo do índice. As maiores reduções ocorreram durante a primeira semana de vida, cuja taxa de mortalidade passou de 8,7%, em 2000, para 6,1 em 2009. O secretário de Saúde, Nilson Ferraz Paschoa, se diz satisfeito com o resultado e afirma que, mesmo com a melhoria na taxa de mortalidade infantil não devemos “baixar a guarda”.

As regiões de Barretos e Franca foram as que apresentaram maior queda no índice de mortalidade infantil do Estado com 40% e 20% respectivamente. Em contrapartida São  José do Rio Preto e Araraquara apresentaram as menores taxas de redução do número de mortes, 9,4% e 12,5% respectivamente.

As regiões que apresentaram maior queda na taxa de mortalidade infantil na última década foram as de Barretos (40%) e Franca (20%). Já as menores reduções foram observadas nas regiões de São José do Rio Preto (9,4%) e Araraquara (12,5%).

Você tem Twitter? Então, siga https://twitter.com/ e fique por dentro das principais notícias do setor.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta